Bolsa Desenvolvimentos na frente comercial sustentam Wall Street

Desenvolvimentos na frente comercial sustentam Wall Street

As bolsas norte-americanas encerraram em alta, na expectativa do encontro entre Donald Trump e Liu He, no âmbito das negociações comerciais entre os EUA e a China.
Desenvolvimentos na frente comercial sustentam Wall Street
Reuters
Carla Pedro 10 de outubro de 2019 às 21:11

O Dow Jones encerrou a somar 0,57% para 26.496,67 pontos e o Standard & Poor’s 500 subiu em 0,64% para 2.938,13 pontos.

 

Por seu lado, o tecnológico Nasdaq Composite avançou 0,60% para 7.950,78 pontos.

 

As bolsas do outro lado do Atlântico foram sustentadas pelo facto de o presidente norte-americano, Donald Trump, ter confirmado que na sexta-feira irá reunir-se com o vice-primeiro-ministro, Liu He, no âmbito das negociações comerciais entre as duas maiores economias do mundo.

 

A nova ronda formal de conversações teve início hoje e o anúncio de que estes dois altos-representantes de ambas as partes vão reunir-se foi recebido com entusiasmo – isto depois de várias notícias terem dado conta de que as reuniões de nível técnico não geraram progressos.

 

Tem havido sinais contraditórios relativamente ao desenrolar das negociações, mas os investidores mostraram-se otimistas com este encontro entre Trump e Liu He.

 

Desde julho, quando ficaram de costas voltadas após nova tentativa de entendimento, as duas partes ainda não tinham voltado a ter reuniões presenciais.

As cotadas que mais impulsionaram a tendência na sessão desta quinta-feira foram as da banca e as fabricantes automóveis.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI