Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

EDP e Galp Energia penalizam bolsa nacional

O PSI-20 acompanhou a maioria dos índices europeus no dia em que se realiza a reunião dos ministros das Finanças da Zona Euro que vai aprovar a ajuda a Portugal.

Ana Luísa Marques anamarques@negocios.pt 16 de Maio de 2011 às 16:53
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
O principal índice da bolsa nacional caiu 0,32% para os 7.741,96 pontos, com 13 títulos em queda, seis em alta e um inalterado, pressionado pelos títulos da EDP e da Galp Energia.

Os títulos da Jerónimo Martins e da Portugal Telecom travaram maiores quedas na bolsa nacional.

Os títulos do sector energético foram os que mais penalizaram a primeira sessão da semana. A EDP e a Galp caíram, igualmente, 1,11% para os 2,593 e 14,31 euros.

A EDP Renováveis escapou às quedas, com um ganho de 0,57% para os 4,80 euros.

O BCP foi outro dos títulos que mais penalizou a bolsa nacional. A queda das acções do BCP surge no dia em que serão conhecidos os resultados da oferta pública de troca (OPT) de dívida perpétua em capital, no valor máximo de mil milhões de euros. Caso a adesão à oferta de troca seja igual ou superior a 75%, como se prevê, o valor global da operação subirá automaticamente para 1,37 mil milhões de euros, com os accionistas a serem chamados a subscrever novas acções do banco.

Os títulos do banco perderam 1,26% para os 0,548 euros. Em queda fecharam também as acções do BES, que recuaram 0,61% para os 2,921 euros e do Banif, que desvalorizaram 1,39% para os 71 cêntimos.

O BPI contrariou o sentimento negativo do sector bancário, ao ganhar 1,45% para os 1,261 euros.

Nas telecomunicações, apenas a Portugal Telecom escapou às fortes quedas, ao ganhar 0,35% para os 8,712 euros. Sonaecom e Zon Multimédia caíram mais de 1% e fecharam nos 1,618 e 3,623 euros, respectivamente.

A Zon Multimédia foi hoje penalizada por uma nova avaliação do UBS, que baixou o preço-alvo das acções de 5,00 euros para 4,80 euros para reflectir os resultados "um pouco abaixo das expectativas".

Em destaque pela positiva esteve mais uma vez a Jerónimo Martins, com um ganho de 1,09% para os 12,95 euros.


Ver comentários
Saber mais bolsa nacional PSI-20 Euronext
Outras Notícias