Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Galp e BCP colocam bolsa a subir pela primeira vez em três sessões

PSI-20 anulou as perdas da manhã e segue a contrariar as perdas das praças europeias.

Nuno Carregueiro nc@negocios.pt 22 de Fevereiro de 2011 às 15:40
A bolsa portuguesa inverteu para terreno positivo, impulsionada pela subida das acções da Galp Energia e do Banco Comercial Português.

O PSI-20 ganha 0,21% para 7.872,49 pontos, depois de ter sofrido perdas acentuadas nas últimas duas sessões. Na Europa a tendência é ainda negativa, embora os índices estejam a aliviar das perdas da manhã, numa altura em que o mercado continua focado nos protestos nos países do Médio Oriente, sobretudo na Líbia.

A Galp Energia é a cotada que mais impulsiona a praça portuguesa, com uma valorização de 1,74% para 15,19 euros, beneficiando com a escalada dos preços do petróleo, com o Brent em Londres a negociar em máximos de dois anos nos 107 dólares.

A Goldman Sachs incluiu a petrolífera portuguesa no lote das acções europeias que mais podem beneficiar com a subida da inflação a nível global.

O BCP é outra das cotadas que sobe mais de 1%, com uma valorização de 1,62% para 0,629 euros, uma subida partilhada pelas outras cotadas do sector. O BES avança 0,66% para 3,07 euros.

A Portugal Telecom também suporta a tendência positiva do PSI-20, com uma valorização de 0,41% para 8,30 euros, com os investidores a aguardarem que a empresa apresente resultados positivos na quinta-feira.

A limitar os ganhos está a EDP, que deprecia 1,14% para 2,768 euros, bem como a Jerónimo Martins, que cai 1,57% para 11,32 euros, mantendo a tendência de correcção desde que apresentou resultados na sexta-feira.

A Altri lidera os ganhos bo PSI-20, com uma valorização de 4,23% para 1,724 euros, no dia em que os títulos passarama a negociar com um novo valor nominal, no âmbito do "stock split" que a empresa está a realizar.


Ver comentários
Saber mais bolsa psi-20 acções banca
Outras Notícias
Publicidade
C•Studio