Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Galp Energia e BCP pressionam abertura da bolsa nacional

A bolsa nacional abriu a cair 0,58% em linha com as principais praças europeias, que prolongam a descida das acções mundiais de ontem. A pressionar mais estão essencialmente a Galp Energia e o Banco Comercial Português.

Hugo Paula hugopaula@negocios.pt 29 de Outubro de 2009 às 08:23
  • Partilhar artigo
  • 2
  • ...
A bolsa nacional abriu a cair 0,58% em linha com as principais praças europeias, que prolongam a descida das acções mundiais de ontem. A pressionar mais estão essencialmente a Galp Energia e o Banco Comercial Português.

O PSI-20 negoceia nos 8.190,19 pontos, com cinco acções a subir, 13 a descer e duas a negociar inalteradas. As principais praças europeias negoceiam em queda e prolongam a descida de ontem, depois de oito meses de subidas terem gerado especulação de que o ritmo de subida das acções ultrapassou as expectativas de recuperação da economia e dos resultados das empresas.

Por cá, a Galp Energia lidera as descidas, ao depreciar 2,53% para 11,16 euros. Ainda no sector energético a EDP recua 1,13% para 2,97 euros, enquanto a EDP Renováveis, que apresentou resultados ontem, avança 0,94% para 6,88 euros.

O BCP desce 1,51% para 0,916 euros e o BPI desce 1,26% para 2,19 euros. Já o BES, que também apresentou resultados ontem, contraia a tendência do sector, ao ganhar 1,38% para 4,931 euros.

A Jerónimo Martins contraria com um ganho de 2,76% para 6,171 euros. Nos primeiros nove meses do ano, os lucros da Jerónimo Martins subiram 14,2% e atingiram os 138,7 milhões de euros. No mesmo período, as vendas da retalhista aumentaram 5,8% para 5,3 mil milhões de euros.

Ver comentários
Outras Notícias