Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Itália já escolheu bancos para OPV da Poste Italiane

Tesouro italiano pretende encaixar cerca de quatro mil milhões de euros com a venda da empresa de correios estatal. Bancos de investimento responsáveis já estão escolhidos, diz a Bloomberg.

Negócios 04 de Maio de 2014 às 15:54
  • Partilhar artigo
  • ...

Itália prepara-se para avançar com a privatização da empresa de correios estatal, a Poste Italiane. De acordo com fontes citadas pela Bloomberg, o Governo já terá escolhido os bancos de investimento que vão participar na oferta pública de venda (OPV) que poderá render aos cofres públicos cerca de quatro mil milhões de euros.

 

Bank of America, Citigroup e o italiano Mediobanca estão entre os bancos eleitos para a colocação da Poste Italiane na bolsa de Milão, este ano, revela a Bloomberg. A venda de 40% do capital, que pode render quatro mil milhões ao Estado italiano, deverá avaliar a empresa de correios em cerca de 10 mil milhões.

 

Esta OPV, que faz parte de um plano do Executivo italiano para obter até nove mil milhões de euros com a venda de empresas estatais, trará mais uma empresa de correios para a bolsa. Nos últimos tempos entraram no mercado o Royal Mail, do Reino Unido, o BPost, da Bélgica, e os CTT, em Portugal.

 

A empresa liderada por Francisco de Lacerda, a penúltima a entrar no mercado de capitais português (a última foi a Espírito Santo Saúde), tem tido um forte desempenho em bolsa. As acções estão a cotar nos 8,05 euros, um valor que supera em 45% o preço a que os títulos foram vendidos. A forte subida poderá levar o Governo português a antecipar a venda do capital remanescente.

Ver comentários
Saber mais OPV correios bancos de investimento
Outras Notícias