Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Japão afunda bolsas da Europa

As praças europeias registam quedas acentuadas, seguindo a tendência das bolsas nipónicas que afundaram mais de 10% perante o elevado risco de fuga de radioactividade na central nuclear de Fukushima.

Paulo Moutinho 15 de Março de 2011 às 08:48
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...
Os principais índices do Velho Continente iniciaram a sessão em queda, desvalorizando pela quinta sessão consecutiva. O Stoxx 600, que agrega as maiores empresas da Europa, seguia a perder 1,67%. É a maior queda em quatro meses.

A generalidade dos mercados da região perdia mais de 1%, como as bolsas de Madrid, Paris e Amsterdão. A bolsa da Alemanha apresentava a queda mais acentuada: 2,42%. Em Portugal, o PSI-20 caía 0,71%.

As praças europeias seguem a tendência negativa das bolsas asiáticas. O MSCI Asia Pacific deslizou mais de 5,5%, arrastado pela forte queda verificada nos mercados accionistas do Japão.

O Nikkei 225 afundou 11%, naquela que foi a terceira queda mais acentuada da história do índice nipónico, reagindo aos receios de uma crise nuclear no Japão, depois de se ter registado uma terceira explosão na central de Fukushima.

Os investidores estão a fugir de activos de risco, como as acções, o que está a ditar a descida acentuada das bolsas. O sector das “utilities” está a ser o mais castigado, enquanto as empresas de energias renováveis apresentam as quedas menos expressivas.

Ver comentários
Saber mais Japão Europa bolsas nuclear
Mais lidas
Outras Notícias