Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Jerónimo Martins trava queda do índice PSI-20

O índice de Lisboa encerrou a sessão a descer 0,1% numa sessão em que a desvalorização era superior a 1% até aos últimos instantes de negociação. O ganho da Jerónimo Martins sobrepôs-se à queda da PT e da Galp.

Hugo Paula hugopaula@negocios.pt 31 de Maio de 2012 às 17:04
  • Assine já 1€/1 mês
  • 4
  • ...
O índice PSI-20 caiu 0,1% para 4.513,38 pontos, com oito cotadas a subir, 10 a descer e duas a negociarem inalteradas. O índice principal chegou a fixar um novo mínimo de 1996 e perdia mais de 1,5% até aos últimos minutos da sessão.

A volatilidade registada no final da sessão pode estar relacionada com reajustes de carteira naquela que é a última sessão do mês.

Entre as principais praças europeias a tendência também foi de perdas em mais um dia marcado pelos receios com o sistema bancário espanhol e com a divulgação de dados económicos desapontantes nos Estados Unidos da América.

Por cá, a cotada que mais pressionou foi a Portugal Telecom. A operadora também atenuou a tendência de quedas que apresentou durante parte da sessão, ao acabar por descer 2,68% para 3,054 euros.

A cotada chegou a negociar no mínimo de Junho de 1996 ao tocar os 3,006 euros, num dia em que Zeinal Bava foi à CNBC dizer que a gestão está "frustrada" com a cotação da operadora e que vai reavaliar a política de dividendos "no sector". Até perto do fim da sessão, as perdas superavam os 3,5%.

A Sonaecom depreciou hoje 0,35% para 1,145 euros e a Zon Multimédia contrastou com as pares portuguesas ao progredir 2,69% para 2,068 euros.

Também a pressionar esteve a Galp Energia, que desvalorizou 2,35% para 9,626 euros, num dia em que renovou um mínimo de Agosto de 2009 ao negociar nos 9,34 euros.

Já a eléctrica EDP contrariou a tendência de perdas no fecho da sessão. Minutos antes do fecho perdia mais de 1% mas acabou por inverter a tendência para ganhos de 1,27% no fecho. Os títulos encerraram a sessão nos 1,68 euros apesar de ter renovado um mínimo de Agosto de 2003 ao negociar nos 1,638 euros durante o dia.

A participada EDP Renováveis desceu 3,05% para 2,831 euros e a REN, que gere a rede eléctrica nacional, fechou inalterada nos 1,98 euros.

A impedir maiores ganhos esteve a Jerónimo Martins, ao progredir 2,53% para 14,365 euros. O contributo positivo para o índice português da retalhista sobrepôs-se à tendência de quedas da cotada que mais pressionou na sessão. A cerca de cinco minutos do fim, a retalhista perdia cerca de 0,5%.

Também em alta fechou o BCP, que progrediu 0,99% para 0,102 euros, o BES apreciou 0,44% para 0,456 euros e o Banco BPI valorizou 2,49% para 0,37 euros. Hoje decorrem as assembleias-gerais do BCP e do BPI.
Ver comentários
Saber mais PSI-20 Lisboa PSI bolsa acções mercado Galp Energia
Outras Notícias