Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Lisboa fecha no vermelho com Galp e Jerónimo Martins a pesar

A bolsa portuguesa encerrou no vermelho num dia em que as principais praças europeias seguem mistas, estando o Stoxx 600, "benchmark" europeu a recuar.

Pedro Catarino / Cofina Media
Pedro Curvelo pedrocurvelo@negocios.pt 24 de Janeiro de 2023 às 16:49
O PSI recuou 0,56%, para os 5.939,21 pontos, num dia em que as praças europeias seguem mistas. Das 15 cotadas do índice nacional, seis fecharam em alta e nove em queda.

A Altri liderou as perdas com um recuo de 3,6%, para os 4,714 euros, seguida da Sonae, que perdeu 3,35%, fechando nos 0,9385 euros.

A pressionar o índice estiveram ainda alguns dos pesos pesados. A Galp caiu 1,58%, para os 12,80 euros, penalizada pela queda dos preços do petróleo, enquanto a Jerónimo Martins recuou 1,48%, terminando a sessão nos 19,94 euros. Também a EDP Renováveis cedeu 1,27%, para os 20,27 euros.

Ainda com quedas superiores a 1% fecharam a Navigator e Nos, que perderam 1,26% e 1,1%, respetivamente.

Pela positiva destacou-se a Mota-Engil, que avançou 3,37%, para os 1,41 euros, máximo desde 31 de maio de 2022. 

Do lado das subidas, a Greenvolt avançou 1,74%, até aos 8,18 euros, enquanto os CTT subiram 1,72%, fechando nos 3,545 euros.

O BCP ganhou 1,32%, para os 0,1915 euros, enquanto no setor da eletricidade a REN valorizou 0,97% e a EDP subiu 0,57%.
Ver comentários
Outras Notícias
Publicidade
C•Studio