Bolsa Mercado imobiliário dá fôlego a Wall Street

Mercado imobiliário dá fôlego a Wall Street

As bolsas norte-americanas encerraram em alta, animadas sobretudo pelo bom desempenho das cotadas do setor imobiliário. Os intervenientes dos mercados estão expectantes, à espera da Fed.
Mercado imobiliário dá fôlego a Wall Street
Reuters
Carla Pedro 17 de setembro de 2019 às 21:21

O Dow Jones encerrou a somar 0,13% para 27.110,80 pontos e o Standard & Poor’s 500 avançou 0,26% para 3.005,70 pontos.

 

Por seu lado, o tecnológico Nasdaq Composite ganhou 0,40% para 8.186,02 pontos.

 

A sustentar a negociação do outro lado do Atlântico estiveram sobretudo as cotadas do ramo imobiliário, que distribuem bons dividendos.

 

Os ganhos acabaram contudo por não ser expressivos, essencialmente por duas razões que levaram a uma maior cautela dos investidores.

 

A primeira delas prende-se com o ataque com drones contra instalações petrolíferas sauditas, o que veio recordar o risco de escalada das tensões geopolíticas.

Os rebeldes iemnitas hutis reivindicaram os ataques – responsáveis pelo corte de 5,7 milhões de barris por dia da produção saudita, ou seja, metade do que o reino produz – mas os drones foram identificados como sendo iranianos (os hutis, recorde-se, são apoiados politicamente pelo Irão, grande rival regional da Arábia Saudita), o que fez recrudescer também as tensões entre Washington e Teerão.

 

A segunda razão prende-se com a Fed. Os investidores estão de olhos postos na reunião de política monetária do banco central dos EUA e a expectativa é a de que amanhã o seu presidente, Jerome Powell, anuncie um corte de 25 pontos base dos juros diretores.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI