A carregar o vídeo ...
Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Nasdaq e S&P 500 somam e seguem com novos recordes

A semana terminou da melhor forma para Wall Street com o Nasdaq e o S&P 500 a fixarem novos máximos históricos. Como foi habitual ao longo das últimas sessões a Apple e a Tesla brilharam.

Reuters
Pedro Curvelo pedrocurvelo@negocios.pt 21 de Agosto de 2020 às 21:22
  • Assine já 1€/1 mês
  • 4
  • ...
Wall Street terminou da melhor forma uma semana em cheio. Os principais índices encerraram positivos e o Nasdaq Composite e o S&P 500 fixaram novos máximos históricos.

O Dow Jones tem sido o "parente pobre" de Wall Street, não só pelos ganhos mais modestos mas porque está ainda distante de alcançar um novo recorde. Esta sexta-feira o índice que agrega as "blue chips" avançou 0,69%, para os 27.930,33 pontos, máximo de quase seis meses.

Mas, este feito é eclipsado pelo S&P 500, que subiu 0,34%, para os 3.397,16 pontos e tocou os 3.399,96 pontos, novos recordes de fecho e de intraday, respetivamente.

Imparável está também o Nasdaq Composite, que somou novo máximo histórico, o 36.º deste ano, com um ganho de 0,42%, terminando o dia nos 11.311,80 pontos. Durante a sessão, o índice tecnológico tocou os 11.326,22 pontos, o valor mais elevado de sempre.

Como tem sido nota nas últimas sessões, o protagonismo coube à Apple e à Tesla, duas empresas que estão prestes a efetuar stock splits.

A empresa liderada por Tim Cook fechou a ganhar 5,15% e esteve, durante a sessão, à beira de superar os 500 dólares, tendo cotado nos 499,47 dólares. A empresa viu a capitalização bolsista atingir os 2,13 biliões de dólares.

Já a Tesla terminou a jornada com um ganho de 2,41%, mas voltou a atingir um máximo histórico ao cotar nos 2.095,49 dólares. As ações da empresa liderada por Elon Musk valorizaram 50% desde o anúncio do stock split.
Ver comentários
Saber mais Nasdaq Composite S&P 500 Tesla Wall Street dow jones apple
Outras Notícias