Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Optimismo no corte de juros nos EUA impulsiona Europa

As Bolsas europeias iniciaram o dia a valorizar, com os investidores optimistas quanto a um corte nas taxas de juro nos Estados Unidos, por parte da Reserva Federal, com o objectivo de impulsionar a maior economia mundial. O Euro Stoxx 50 ganhava 0,55% e

Duarte Costa 21 de Agosto de 2001 às 09:22
  • Partilhar artigo
  • ...
As Bolsas europeias iniciaram o dia a valorizar, com os investidores optimistas quanto a um corte nas taxas de juro nos Estados Unidos, por parte da Reserva Federal, com o objectivo de impulsionar a maior economia mundial. O Euro Stoxx 50 ganhava 0,55% e o DAX subia 0,32%.

Euro Stoxx 50, índice que engloba as 50 maiores empresas europeias em termos de capitalização bolsista, valorizava 0,55% para os 3.657,34 pontos.

Na Bolsa de Londres, o FTSE [UKX] crescia 0,34% para os 5.375,40 pontos. A Vodafone, líder mundial nas telecomunicações móveis, ganhava 1,56% para as 1,30 libras (2,06 euros ou 413 escudos), enquanto a farmacêutica Glaxosmithkline subia 1,03% para as 18,61 libras (29,46 euros ou 5.906 escudos), depois de na semana passada ter caído 6,99%.

Em Paris, o CAC 40 [CAC] marcava 4.807,42 pontos, a avançar 0,33%. A farmacêutica Aventis, que está em negociações para fornecer um dos seus medicamentos à farmacêutica Schering, valorizava 0,68% para os 82 euros (16.440 escudos), enquanto a empresa de media Vivendi somava 0,99% para os 61,10 euros (12.249 escudos), com o seu novo filme «American Pie 2» a vender 95,52 milhões de euros (19.150 milhões de contos) em bilhetes nos Estados Unidos e Canadá.

O DAX [DAX] de Frankfurt avançava 0,22% para os 5.219,33 pontos. O construtor de automóveis DaimlerChrysler [DCX] ganhava 1,475 para os 48,89 euros (9.802 escudos) e a seguradora Allianz [ALV] negociava nos 316,32 euros (63.416 escudos), a subir 0,80%.

Em Madrid, o IBEX [IBEX] marcava 8.239,80 pontos, a valorizar 0,60%, impulsionado pelo sector financeiro. O Banco Bilbao Vizcaya Argentaria (BBVA) subia 1,04% para os 13,54 euros (2.715 escudos), enquanto o Banco Santander Central Hispano (BSCH) crescia 1,46% para os 9,75 euros (1.955 escudos).

O AEX [AEX], principal índice de Amesterdão, somava 0,31% para os 524,51 pontos. O grupo de distribuição Ahold, que participa no capital da portuguesa Jerónimo Martins Retalho, avançava 1,4% para os 33,31 euros (6.678 escudos), enquanto a Philips Electronics crescia 1,26% para os 28,82 euros (5.778 escudos).

Em Milão, as telecomunicações impulsionavam o MIBTEL [MIBTEL], que marcava 24.919 pontos, a subir 0,25%. A Telecom Italia avançava 1,29% para os 9,70 euros (1.945 escudos) e a Telecom Italia Mobiles negociava nos 6,04 euros (1.211 escudos), a valorizar 0,89%.

Outras Notícias