Bolsa PSI-20 em alta ligeira com Galp a sustentar

PSI-20 em alta ligeira com Galp a sustentar

A bolsa nacional destaca-se da Europa, seguindo em trajetória ascendente. Trump desassossega os investidores do Velho Continente com novas ameaças de tarifas, desta vez dirigidas ao bloco europeu.
A carregar o vídeo ...
Ana Batalha Oliveira 09 de abril de 2019 às 08:27
A bolsa nacional abriu em alta ligeira, com o principal índice, o PSI-20, a apreciar 0,02% para os 5.312,18 pontos. São seis as cotadas a subir, nove a cair e três inalteradas.

Na Europa o sentimento é negativo numa altura em que os Estados Unidos voltam a ameaçar o bloco europeu com tarifas sobre as importações. O presidente norte-americano ameaçou impor tarifas sobre 11 mil milhões de euros de importações, caso o Velho Continente não retire os apoios que concede à Airbus. A Casa Branca cita as conclusões da Organização de Comércio Mundial para sustentar a posição de que os subsídios entregues à fabricante de aeronaves francesa estão a prejudicar a concorrente americana, a Boeing.

Por cá, a Galp é o "peso pesado" que ajuda a evitar as perdas. A petrolífera soma 0,70% para 14,45 euros, contrariando a tendência descendente da matéria-prima. O barril de Brent, negociado em Londres e referência para a Europa, está a descer 0,21% para os 70,95 dólares, depois de três sessões a subir que ditaram máximos de novembro. 

O BCP segue tímido no verde, com ganhos de apenas 0,08% para os 24 cêntimos, em vésperas da reunião do Banco Central Europeu. Face a este evento, o BCP "poderá apresentar uma maior volatilidade", consideram os analistas do Caixabank BPI.

Já a EDP resvala para o terreno negativo após os fortes ganhos das últimas semanas. A elétrica cai 0,09% para os 3,51 euros, numa altura em que os analistas do Caixabank BPI preveem que estes títulos possam "passar por uma fase de consolidação (ou mesmo atravessar uma correção ligeira), com os investidores a redesenharem as suas perspetivas".



Marketing Automation certified by E-GOI