Bolsa PSI-20 recua com Galp a cair mais de 1% para mínimos de 2016

PSI-20 recua com Galp a cair mais de 1% para mínimos de 2016

O dia não é de ganhos na Europa, e Lisboa alinha na tendência negativa. Por cá, a Galp é o peso pesado em destaque, ao cair 1% na quinta sessão no vermelho, um desempenho que leva a cotada a mínimos de mais de dois anos.
PSI-20 recua com Galp a cair mais de 1% para mínimos de 2016
Tiago Sousa Dias
Ana Batalha Oliveira 18 de junho de 2019 às 08:19
A bolsa nacional abriu em queda, com o principal índice, o PSI-20, a descer 0,41% para os 5.043,03 pontos. São 10 as cotadas a cair, três a subir e cinco aquelas que se mantêm inalteradas. O índice nacional marca assim a terceira sessão consecutiva no vermelho.

Na Europa, o sentimento é igualmente negativo. Os investidores retraem-se na véspera do discurso da Fed, marcado para esta quarta-feira, 19 de junho. A questão é se o presidente, Jerome Powell, vai confirmar as expetativas de cortes na taxa de juro diretora ou defraudá-las, tendo em conta indicadores recentes que apontam para uma melhoria na economia dos Estados Unidos.

Em Lisboa, a Galp destaca-se no vermelho: a petrolífera cai pela quinta sessão consecutiva, desce 1,05% para os 12,73 euros, e desce a mínimos de novembro de 2016. A cotada desce em sintonia com os preços da matéria-prima, numa altura em que o barril de Brent, negociado em Londres e referência para Portugal e para a Europa, cede 0,49% para os 60,64 dólares. As perdas no mercado de petróleo verificam-se face à pressão que o conflito comercial entre os Estados Unidos e a China coloca do lado da procura. a agravar está a incerteza em relação à data da próxima reunião da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP), na qual se espera que o cartel opte por estender os cortes à produção.

No vermelho pesam ainda as cotadas do setor do papel, Navigator e Altri. A primeira está a deslizar 0,87% para os 3,18 euros e a segunda desce 0,50% para os 6,02 euros. 

A contrariar o sentimento está a retalhista Jerónimo Martins, a qual valoriza 0,14% para os 14,22 euros. 

(Notícia atualizada às 08:27)



Marketing Automation certified by E-GOI