Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

PSI-20 acentua perdas com bancos a recuarem mais de 2%

A bolsa nacional acentuou a tendência de perdas da abertura com o sector da banca a registar perdas de mais de 2%.

Negócios 16 de Janeiro de 2013 às 09:54
  • Partilhar artigo
  • 6
  • ...

O índice principal recua 1,01% para 6.068,35 pontos, com 19 cotadas a descer e uma a valorizar. O Stoxx 600, índice das acções europeias, está a perder 0,27% para 285,17 pontos, numa manhã marcada pelas declarações do presidente do Eurogrupo, que disse que a cotação da moeda única, num máximo de 10 meses face ao dólar, está num nível “perigosamente elevado”.

 

Por cá, a cotada que mais pressiona é, agora, o Banco Espírito Santo, que recua 2,72% para 1,109 euros. Já o Espírito Santo Financial Group avança 0,18% e contraria a tendência do sector. O BCP desvaloriza 2,17% para 0,09 euros e o BPI deprecia 2,85% para 1,263 euros.

 

A Portugal Telecom desce 0,90% para 12,025 euros e também é das que mais pressionam, prolongando a descida que registou na terça-feira, apesar de ter visto a casa de investimento Bernstein Research aumentar o preço-alvo de 3,50 para 4,50 euros.

 

A operadora Sonaecom recua 2,41% para 1,415 euros e a Zon Multimédia perde 1,59% para 3,102 euros.

 

A petrolífera Galp Energia também é das que mais marcam a tendência do índice principal, ao recuar 1,03% para 12,025 euros.

 

A eléctrica EDP desce 0,34% para 2,351 euros e a EDP Renováveis deprecia 0,22% para 4,161 euros, enquanto a REN, que gere a rede eléctrica nacional, declina 0,66% para 2,255 euros.

 

No sector da pasta e papel destaca-se a Altri, que recua 1,41% para 1,752 euros, enquanto a Portucel desvaloriza 0,90% para 4,094 euros. A Semapa, que detém a papeleira, segue a perder 1,14% para 6,68 euros.

Ver comentários
Saber mais PSI-20 bolsa acções mercado
Outras Notícias