Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

PSI-20 acentua queda e desce mais de 1%

A bolsa nacional continua a negociar no vermelho, recuando mais de 1%. A Galp Energia e a Portugal Telecom são as cotadas que mais penalizam o índice. Os restantes mercados da Europa seguem também em queda.

Andreia Major amajor@negocios.pt 27 de Fevereiro de 2012 às 12:42
  • Assine já 1€/1 mês
  • 5
  • ...
O PSI-20 segue a perder 1,03% para 5.500,66 pontos, com apenas três cotadas em alta, 16 cotadas em queda e uma a negociar inalterada.

Os restantes mercados do Velho Continente seguem também em queda, depois do G20, grupo das 20 maiores potências mundiais, ter rejeitado um pedido da Zona Euro para que se reforce o capital do Fundo Monetário Internacional.

Por cá, a cotada que mais pressiona o índice de referência nacional é a petrolífera Galp Energia, que perde 1,81% para 13,015 euros por acção. A petrolífera corrige parte dos fortes ganhos que somou na última sessão e acompanha a tendência de perdas do petróleo, que está a recuar de máximos de 10 meses.

Segue-se a Portugal Telecom, que desliza 2,04% para 3,899 euros. A EDP também está a contribuir para a tendência negativa, a cair 1,01% para 2,156 euros.

No restante sector energético a tónica é igualmente de perdas. A EDP Renováveis recua 0,74% para 4 euros, e a REN cede 0,8% para 2,108 euros.

Também o BES está a desvalorizar 3,52% para 1,591 euros. Os restantes bancos acompanham a tendência de queda. O BCP diminui 2,48% para 0,157 euros, e o BPI reduz 1,99% para 0,541 euros. O Banif perde 1,50% para 0,328 euros.

A travar as quedas do índice estão a Jerónimo Martins, que avança 1,25% para 13,375 euros, e a Cimpor, que ganha 0,12% para 5,05 euros. A Sonae Indústria valoriza 0,29% para 0,693 euros, e a Altri negoceia inalterada nos 1,16 euros.
Ver comentários
Saber mais PSI-20 banca Galp Energia Portugal Telecom BCP BES BPI Banif Grécia Europa reunião G20
Outras Notícias