Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

PSI-20 contraria tendência de quedas das congéneres e valoriza

A bolsa portuguesa seguia a negociar em alta, em contra-ciclo com as congéneres europeias suportada nas valorizações da Galp, Sonae e do Millennnium bcp. O PSI-20 subia 0,16%.

Raquel Godinho rgodinho@negocios.pt 28 de Dezembro de 2007 às 09:58
  • Partilhar artigo
  • ...

A bolsa portuguesa seguia a negociar em alta, em contra-ciclo com as congéneres europeias suportada nas valorizações da Galp, Sonae e do Millennnium bcp. O PSI-20 subia 0,16%.

O índice principal da praça portuguesa [PSI20] avançava para os 13.116,37 pontos, com 7 títulos em alta e os restantes 13 em queda. Os principais índices europeus caíam pela primeira vez em quatro sessões, pressionados pelas empresas tecnológicas e produtoras de automóveis.

A Galp [GALP PL] subia 1,42% para os 19,30 euros, após ontem ter fixado um novo máximo histórico nos 19,50 euros, ainda a beneficiar das descobertas petrolíferas recentes e das revisões em alta de várias casas de investimento.

Depois de ontem terem sido divulgadas as datas para a separação da Sonae Capital da "casa-mãe", a Sonae [SON] ganhava 2,11% para os 1,94 euros. A Sonaecom [SNC] perdia 0,86% para os 3,46 euros, enquanto a Sonae Indústria [SONI] descia 1,35% para os 6,59 euros.

O Millennium bcp [BCP] avançava 0,68% para os 2,95 euros animado pelas notícias de que o Conselho Geral de Supervisão aprovou a lista de Santos Ferreira para a liderança do BCP.

O BPI [BPIN] e o BES [BESNN] seguiam a tendência do maior banco privado nacional e somavam, respectivamente, 0,19% para os 5,40 euros e 0,13% para os 15,12 euros.

A Soares da Costa [SCO] inverteu a tendência de queda e subia 0,49% para os 2,07 euros animada pelo reinicio de cobertura do Caixa BI com um preço-alvo de 2,45 euros e uma recomendação de "acumular". Esta avaliação confere aos títulos da construtora liderada por Pedro Gonçalves um potencial de subida de 17,2% face à cotação actual.

Os pesos-pesados Portugal Telecom [PTC] e a EDP [EDP] travavam maiores ganhos e cediam, respectivamente, 0,11% para os 9,04 euros e 0,67% para os 4,43 euros. Também a PT Multimédia [PTM] perdia 0,96% para os 9,31 euros.

A contribuir para as perdas seguiam, também, a Cimpor [Cimp], a Impresa [IPR] e a Brisa [brisa].

Fora do PSI-20, a Inapa [INA] deslizava 4,85% para os 0,98 euros no dia em que foram admitidas as novas acções à cotação.

Ver comentários
Outras Notícias