Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

PT e BCP pressionam bolsa nacional

As quedas da PT e do BCP arrastavam a bolsa nacional para uma queda. O PSI-20 recuava 0,24%, acompanhando a tendência das congéneres europeias que voltavam a ser pressionadas pela expectativa de subidas de juro nos dois lados do Atlântico.

Sara Antunes saraantunes@negocios.pt 28 de Junho de 2006 às 10:01
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

As quedas da PT e do BCP arrastavam a bolsa nacional para uma queda. O PSI-20 recuava 0,24%, acompanhando a tendência das congéneres europeias que voltavam a ser pressionadas pela expectativa de subidas de juro nos dois lados do Atlântico.

O principal índice nacional [psi20] recuava para os 9.401,87 pontos, com 11 acções em queda, três a subir e seis inalteradas. As congéneres europeias estão a ser pressionadas pela esperada subida de juros nos Estados Unidos e pela expectativa de novos aumentos da taxa de referência para a Zona Euro.

A Reserva Federal (Fed) norte-americana reúne hoje e amanhã, dia em que deverá anunciar uma nova subida de juros de 25 pontos base para os 5,25%, de acordo com as estimativas dos analistas consultados pela Bloomberg.

A Portugal Telecom (PT) [ptc] desvalorizava 0,42% para os 9,39 euros, no dia em que o Jornal de Negócios que a operadora de telecomunicações avaliou as acções 30% acima da OPA em 2001.

A oferta pública de aquisição (OPA) da Sonaecom não visa comprar apenas acções da Portugal Telecom, mas também obrigações que podem ser convertíveis em acções. Estes títulos dão, em Dezembro de 2006, o direito a comprar acções da PT a 12,40 euros, um valor 30% acima da cotação actual.

A Sonaecom [snc] seguia inalterada nos 4,27 euros bem como a «casa-mãe», a Sonae SGPS [son] que cotava nos 1,14 euros.

O Banco Comercial Português (BCP) [bcp] também pressionava a negociação bolsistas ao perder 0,45% para os 2,20 euros.

Já o Banif [banin] avançava 1,17% para os 26,00 euros, depois de ter atingido o valor mais elevado de sempre ao tocar nos 26,50 euros. A emissão de acções para o aumento de capital do Banif, onde o banco conseguiu um encaixe de 70 milhões de euros, foi totalmente subscrita, revelou o banco a 26 de Junho em comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

A Energias de Portugal (EDP) [edp] seguia hoje estável nos 3,01 euros, tendo ontem atingido este valor e encerrado o dia no nível mais elevado desde 16 de Maio.

Outras Notícias