Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

PT e EDP impedem PSI-20 de acompanhar ganhos europeus

A bolsa nacional inverteu a tendência de ganhos verificada na abertura da negociação de hoje, com a Portugal Telecom e a EDP a impedirem o principal índice de valorizar e de acompanhar os ganhos europeus. O PSI-20 perdia 0,15%, numa sessão em que a Altri

Paulo Moutinho 18 de Setembro de 2006 às 11:25
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

A bolsa nacional inverteu a tendência de ganhos verificada na abertura da negociação de hoje, com a Portugal Telecom e a EDP a impedirem o principal índice de valorizar e de acompanhar os ganhos europeus. O PSI-20 perdia 0,15%, numa sessão em que a Altri voltou a fixar um novo máximo histórico.

O principal índice da bolsa nacional [psi20] descia para os 10.018,12 pontos, com dez das vinte cotadas a subir, seis em queda e quatro acções inalteradas.

Com esta queda, o PSI-20 contraria a tendência das congéneres europeias que estão a ser impulsionadas pelas valorizações dos títulos das cotadas do sector da energia.

Na Euronext Lisbon, a Energias de Portugal [edp] era o título que mais pressionava. A eléctrica cedia 1,27% para os 3,12 euros, corrigindo assim da forte subida – de mais de 2,5% - registada no final da sessão de sexta-feira por rumores de uma oferta pública de aquisição (OPA) sobre a Iberdrola.

Também em queda estava a Portugal Telecom [ptc], que cedia 0,31% para 9,69 euros. Esta está a ser a terceira sessão em queda das acções da operadora que na semana passada registou a pior performance no PSI-20, com uma desvalorização acumulada de 1,42%.

No Grupo Sonae, a "holding" de Belmiro de Azevedo [son] seguia estável nos 1,33 euros, tal como a Sonaecom [snc], que cotava nos 4,98 euros. A Sonae Industria [soni] era a excepção ao apreciar 0,28% para 7,04 euros.

A banca impedia maiores perdas da bolsa nacional. O BES [besnn] somava 0,75% para 12,10 euros, no dia em que o ESFG comunicou que os seus lucros mais que quadruplicaram no primeiro semestre para os 275,7 milhões de euros.

O Banco BPI [bpin] ganhava 0,34% para 5,86 euros, já o Banco Comercial Português (BCP) [bcp] seguia estável nos 2,44 euros.

O destaque nesta sessão vai para a Altri [altr]. As acções da empresa de pasta e papel seguiam a valorizar 1,47% para os 3,44 euros, tendo chegado a ganhar mais de 2% durante a sessão, fixando um novo máximo histórico nos 3,46 euros.

Outras Notícias