Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Quedas do BPI, PT e Galp levam PSI-20 a encerrar a cair mais de 1%

O principal índice da praça de Lisboa encerrou a recuar mais de 1%, pressionado sobretudo pelos títulos do BPI, Galp e PT SGPS. Entre as restantes congéneres europeias o sentimento é maioritariamente de perdas.

A carregar o vídeo ...
Ana Laranjeiro alaranjeiro@negocios.pt 11 de Fevereiro de 2015 às 16:43
  • Partilhar artigo
  • 14
  • ...

O PSI-20 encerrou a sessão em terreno negativo, recuando 1,31% para 5.158,43 pontos, com 13 empresas em queda e cinco em terreno positivo. 

 

As principais praças europeias estão também a negociar no vermelho. A excepção é o principal índice holandês que soma quase 1%. Do lado das perdas, o principal índice grego lidera, recuando quase 4%.

 

Esta evolução tem lugar numa altura em que à entrada para o encontro do Eurogrupo (reunião dos ministros das Finanças da Zona Euro) desta quarta-feira, 11 de Fevereiro, Jeroen Dijsselbloem, ministro holandês das Finanças e presidente do Eurogrupo, alertou para a fraca probabilidade de sair fumo branco da primeira reunião entre o novo ministro grego, Yanis Varoufakis, e os demais 18 colegas da Zona Euro.

 

No final deste mês, termina o programa de resgate e Atenas não quer uma extensão deste programa. Por isso, uma solução tem de ser encontrada. Yanis Varoufakis, o ministro das Finanças grego, vai participar pela primeira vez nestes encontros. E na mala para Bruxelas leva propostas que permitam virar uma nova página na gestão da crise – designadamente, aumentar o salário mínimo para 751 euros e a fasquia de isenção fiscal para 12 mil euros, para um aumento do rendimento e da procura interna – e, ao mesmo tempo, tem garantido que essa estratégia "não custará mais um cêntimo" aos contribuintes dos demais países europeus, porque vai lutar contra a evasão fiscal e a corrupção que há décadas minam o país.

 

Por cá, em destaque pela negativa estiveram os títulos do BPI, Galp Energia e PT SGPS.

 

Os títulos do banco liderado por Fernando Ulrich encerraram a perder 3,27% para 91,6 cêntimos. Ainda neste sector, o BCP fechou a cair 1,95% para 6,55 cêntimos e o Banif perdeu 1,69% para 0,58 cêntimos.

 

Já a PT SGPS encerrou a cair 3,86% para 69,7 cêntimos. A Nos somou 0,46% para 5,501 euros.

 

A Galp Energia recuou 2,22% para 9,778 euros. Isto numa altura em que os preços do petróleo estão a cair nos mercados internacionais. O Brent do Mar do Norte, que serve de referência para as importações portuguesas, desce 2,55% para 54,99 dólares por barril. O West Texas Intermediate cai 1,56% para 49,24 dólares por barril.

 

Ainda no sector da energia, a EDP desce 2,77% para 3,199 euros e a EDP Renováveis cede 0,21% para 5,73 euros. Esta quarta-feira, 11 de Fevereiro, o regulador brasileiro dá "luz verde" à venda de 49% de parques eólicos da EDP Renováveis Brasil à subsidiária da China Three Gorges, a CWEI Brasil. A REN cedeu 0,19% para 2,595 euros.

 

A Jerónimo Martins encerrou a cair 0,72% para 9,702 euros e a Sonae recuou 2,10% para 1,165 euros.

 

Em terreno positivo encerrou o sector do papel. A Altri fechou a somar 2,76% para 3,089 euros, a Semapa avançou 1,15% para 10,515 euros. E a Portucel cresceu 0,87% para 3,71 euros. Esta terça-feira, 10 de Fevereiro, a Portucel apresentou resultados. E no ano passado obteve um resultado líquido de 181,5 milhões de euros, o que representa um recuo de 13,6% face aos 210 milhões registados em 2013.

 

Já no quarto trimestre, a papeleira alcançou um resultado líquido de 48,4 milhões de euros, uma queda de quase seis milhões face ao período homólogo, ainda assim o resultado superou as estimativas do BPI, que mantém a recomendação de "comprar" para a empresa.

 

Ontem também revelado ao mercado que a Portucel celebrou um contrato para a compra da AMS BR Star Paper, produtora de papel "tissue" localizada em Vila Velha de Rodão. Em comunicado, o grupo explica que, no âmbito o seu plano de desenvolvimento para um novo ciclo de crescimento, pretende diversificar a sua actividade na área do "tissue", tendo como objectivo tornar-se num dos líderes europeus deste negócio.

 

(Notícia actualizada às 16h58)

Ver comentários
Saber mais bolsa banca PSI-20 Galp PT SGPS
Outras Notícias