Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Recomendação de Merrill Lynch provoca queda de 1,51% no Nasdaq (act.)

O Dow Jones seguia a ceder 0,69% e o Nasdaq a recuar 1,51%, depois da Merrill Lynch ter recomendado aos clientes que «parem» de comprar acções de sete empresas de semicondutores. A Intel, uma das empresas visadas, caía 3,23%.

Pedro Carvalho pc@mediafin.pt 06 de Junho de 2002 às 14:54
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
O Dow Jones seguia a ceder 0,69% e o Nasdaq a recuar 1,51%, depois da Merrill Lynch ter recomendado aos clientes que «parem» de comprar acções de sete empresas de semicondutores. A Intel, uma das empresas visadas, caía 3,23%.

O Nasdaq [CCMP] marcava 1.572,09 pontos, enquanto o Dow Jones [INDU] cotava nos 9.731,80 pontos.

As acções da Intel seguiam com uma desvalorização de 3,23%. A empresa deverá dar hoje a conhecer ao mercado as suas expectativas em termos de vendas futuras. Os analistas prevêem que o fabricante de semicondutores reveja em baixa as estimativas em relação às vendas do segundo trimestre, num cenário de quebra na procura de «chips» por parte dos fabricantes de computadores.

A Texas Instruments, uma das outras empresas que a Merrill Lynch disse aos clientes para «parar» de investir, resvalava 0,9% para os 28,17 dólares (30,04 euros).

A AT&T via os seus títulos recuarem 0,94% para os 11,54 dólares (12,3 euros). A maior operadora de telecomunicações norte-americana de longa distância procedeu à venda de 2,25 mil milhões de dólares (2,4 mil milhões de euros) em acções próprias.

A Tyco International descia 6,6% para os 16,20 dólares (17,28 euros), ainda prejudicada pela demissão do antigo presidente e administrador executivo Dennis Kozlowski.

Ver comentários
Outras Notícias