Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Resultados da Motorola e JP Morgan pressionam Wall Street (act)

As acções americanas iniciaram a sessão em queda, pressionadas pelos resultados menos positivos apresentados pela Motorola e pelo JP Morgan Chase. O Nasdaq caía 0,13% e o Dow Jones recuava 0,30%, com a nova subida dos preços do petróleo também a pressiona

Sara Antunes saraantunes@negocios.pt 20 de Outubro de 2004 às 15:21
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

As acções americanas iniciaram a sessão em queda, pressionadas pelos resultados menos positivos apresentados pela Motorola e pelo JP Morgan Chase. O Nasdaq caía 0,13% e o Dow Jones recuava 0,30%, com a nova subida dos preços do petróleo também a pressionar os índices.

O Nasdaq seguia nos1.920,44 pontos com uma queda de 0,13 % e o Dow Jones cotava nos 9.867,75 pontos, a recuar 0,30%.

Os preços do petróleo voltaram a subir, pressionando os índices. O crude [cl1], negociado em Nova Iorque, subia 0,30% para 53,45 dólares e o «brent» ganhava 0,74% para 49,13 dólares, antes de serem conhecidas as reservas dos Estados Unidos.

A Motorola recuava 4,81% depois de ter anunciado que as vendas para o quarto trimestre vão ficar aquém do esperado pelos analistas. As vendas devem variar entre 9,3 mil milhões e 9,6 mi milhões de dólares. Os analistas consultados pela Thomson Financial esperavam receitas de 9.52 mil milhões de dólares.

A JP Morgan recuava 3,24% depois de ter anunciado hoje que os resultados líquidos do terceiro trimestre desceram 13%, falhando as previsões dos analistas, devido aos custos relacionados com a aquisição do Bank One.

As acções da Pfizer, maior farmacêutica do mundo, recuavam 1,14% com a empresa a anunciar que os lucros aumentaram 49% no terceiro trimestre, com a companhia a beneficiar a subida das vendas dos seus medicamentos mais importantes, como o Lipitor e o Celebrex.

A contrariara as quedas seguia a Intel a ganhar 0,48% e a Lucent a avançar 0,89%.

Mais lidas
Outras Notícias