Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Sector dos media suporta ganhos na Europa; DAX sobe 1,61%

As Bolsas europeias fecharam em alta com valorizações que rondaram os 1%. As empresas de media lideraram os ganhos com um parecer favorável por parte do Deutsche Bank e da Lehman Brothers.

Pedro Carvalho pc@mediafin.pt 25 de Fevereiro de 2002 às 17:48
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
As Bolsas europeias fecharam em alta com valorizações que rondaram os 1%. As empresas de media lideraram os ganhos com um parecer favorável por parte do Deutsche Bank e da Lehman Brothers.

O índice que reúne as 50 maiores empresa da Europa, o DJ Stoxx 50, valorizava 1,48% para os 3.485,95 pontos com o índice sectorial do sector dos media a acumular uma subida superior a 3%.

O CAC40 [CAC] de Paris subiu 1,42% para os 4.305,44 pontos com as acções da Vivendi Universal, líder no sector dos media na Europa, a valorizarem 3,7% para os 42,78 euros seguidas pelos títulos do rival TF1 que subiram 2,9% para os 26,25 euros.

Os bancos de investimento Deutsche Bank e Lehman Brothers, aconselharam os investidores a compra de acções das empresas de media, já que os preços actuais reflectem uma perspectiva «muito pessimista» para o crescimento económico.

Em Londres, o FTSE [UKX ] avançou 0,99% para os 5.100,70 pontos com os papéis das empresas ligadas ao ramo dos media WPP e Granada a encerrarem com valorizações de 6,1% e de 5,9%, respectivamente. Os analistas da Goldman Sachs subiram a recomendação para as acções da Granada de «market performer» para «market outperformer».

Na praça de Milão, as acções da Mediaset lideraram os ganhos com uma valorização de 4,6% para os 9,27 euros, depois do Deutsche Bank ter elevado a recomendação para as acções da estação de televisão comercial de «market perform» para «buy».O MIBTEL [ MIBTEL ] progrediu 0,97% para os 21.921 pontos.

A Lehman Brothers aconselhou aos seus clientes que detivessem cerca de 10% do seu portfólio em empresas de media, contra os 4% recomendados anteriormente.

O DAX Xetra [ DAX ] de Frankfurt valorizava 1,61% para os 4.821,87 pontos ajudado pela Daimler Chrysler que ganhava 5,1% para os 45,31 euros, beneficiando da revisão em alta dos lucros feitos pela General Motors.

Em Madrid, o IBEX [ IBEX ] avançou 1,47% a marcar os 7.775,10 pontos impulsionado pelos ganhos da operadora Telefónica Moviles, do grupo de construção Dragados e do rival ACS, que amealharam todos ganhos de mais de 3%.

O AEX de Amesterdão subiu 1,37% nos 484,89 pontos com as acções da empresa de telecomunicações KPN Qwest a valorizarem 22,65% para os 3,79 euros.

Outras Notícias