Bolsa Status quo da Fed anima Wall Street

Status quo da Fed anima Wall Street

As principais bolsas norte-americanas encerraram em alta, com a confirmação da postura mais branda da Fed a animar os investidores.
Status quo da Fed anima Wall Street
Reuters
Carla Pedro 10 de abril de 2019 às 21:07

O Dow Jones fechou a ganhar 0,03%, para 26.157,16 pontos, e o Standard & Poor’s 500 somou 0,35% para 2.888,22 pontos – depois de ontem ter marcado a primeira descida em nove sessões.

 

Já o tecnológico Nasdaq Composite avançou 0,69%, para 7.964,24 pontos.

 

As atas da última reunião da Reserva Federal dos EUA, que decorreu a 19 e 20 de março, confirmaram a postura mais branda do banco central para este ano, o que animou as bolsas do outro lado do Atlântico.

 

Segundo as atas, a maioria dos membros da Fed privilegia um status quo nas taxas diretoras até ao final do ano.

 

"Penso que isto confirma a mensagem que recebemos do banco central na reunião de março. A Fed está satisfeita com a sua decisão de esperar para ver como as coisas se desenvolvem", comentou à Bloomberg um economista sénior da Aberdeen Standard Investments, James McCann.

 

O setor tecnológico esteve entre os melhores desempenhos na sessão desta quarta-feira, impulsionando assim o Nasdaq.

 

Já a construtora aeronáutica Boeing continua a perder terreno, pressionada pelo corte na produção do seu modelo 737 Max depois do cancelamento de encomendas por parte das companhias aéreas de todo o mundo na sequência de dois acidentes fatais com este tipo de avião no espaço de seis meses.

 

Os desaires da Boeing, que encerrou a cair 1,11% para 364,94 dólares, penalizaram o índice Dow Jones, que perto do final da sessão descia ligeiramente - mas nos minutos finais de negociação conseguiu regressar à tona e fechar no verde.




Marketing Automation certified by E-GOI