Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Tecnológicas pressionam Wall Street

Praças norte-americanas abrem em baixa, pressionadas sobretudo pelo mau desempenho das tecnológicas, incluindo as previsões decepcionantes da Apple para os lucros do actual trimestre.

Carla Pedro cpedro@negocios.pt 19 de Outubro de 2010 às 14:38
  • Assine já 1€/1 mês
  • 2
  • ...
Os principais índices bolsistas dos EUA abriram no vermelho, penalizados pelas estimativas de lucros da Apple, que ficaram aquém das previsões dos analistas. Além disso, a China aumentou inesperadamente as taxas de juro, o que contribui para deprimir a tendência.

O Dow Jones segue a perder 1,05%, fixando-se nos 11.027,21 pontos. O S&P 500 recua 0,72% para se estabelecer nos 1.176,13 pontos.

Por seu lado, o índice tecnológico Nasdaq desvaloriza 1,64% para 2.440,01 pontos.

A Apple, terceira maior companhia do mundo por valor de mercado, está a ceder terreno devido aos receios de que uma redução das vendas do iPad. A tecnológica anunciou que os seus lucros deverão ascender a 4,80 dólares por acção no actual trimestre, o que inclui a época de compras do final do ano. Estes números surpreenderam os analistas pela negativa, já que estes projectavam um resultado líquido de 5,03 dólares por acção.

Desde pelo menos 2005 que a Apple excedia as previsões dos analistas, em matéria de lucros, trimestre após trimestre, segundo os dados da Bloomberg.

A IBM também cai, depois de reportar uma queda de 7% na subscrição de serviços informáticos no terceiro trimestre. A mesma tendência é seguida pela Microsoft, pressionada pelo anúncio de que o principal arquitecto do software da empresa, Ray Ozzie, irá embora.

Em contrapartida, o Goldman Sachs segue a valorizar, depois de superar as estimativas dos analistas para os lucros do terceiro trimestre, que caíram menos do que o esperado.

Ver comentários
Outras Notícias