Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Wall Street fecha em queda sem Orçamento federal aprovado

A data-limite para um haver acordo para o Orçamento federal de 2013 está a chegar ao fim. Se não for aprovado até ao final do ano, os EUA podem cair no chamado precipício orçamental.

Resultados sustentam Wall Street
Carla Pedro cpedro@negocios.pt 28 de Dezembro de 2012 às 21:11
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

As praças do outro lado do Atlântico fecharam em queda, penalizadas pelos receios em torno das negociações do Congresso norte-americano e do presidente Barack Obama para a aprovação do Orçamento federal para o próximo ano. Isto porque continua a não haver acordo.

 

Estão a ser feitos todos os esforços para que o Orçamento seja aprovado, de modo a impedir que o país entre num precipício orçamental, mas ainda não há acordo. O precipício orçamental (o chamado “fiscal cliff”) é a imagem usada para descrever os ajustamentos que estão programados e que passam por aumentos automáticos de impostos e cortes de despesas nos EUA já a partir de 1 de Janeiro de 2013, no valor de 607 mil milhões de dólares.

 

O índice industrial Dow Jones encerrou a perder 1,21%, fixando-se nos 12.937,88 pontos, enquanto o Nasdaq recuou 0,86% para se estabelecer nos 2.960,31 pontos.

 

O Standard & Poor’s 500, por seu lado, cedeu 0,99% para 1.404,06 pontos.

 

A energia e a maioria das restantes matérias-primas estiveram entre as categorias do S&500 sob maior pressão na sessão de hoje, com destaque para as descidas da Exxon Mobil e da Peabody Energy.

 

As tecnologias também negociaram maioritariamente no vermelho. Foi o caso da Hewlett-Packard, Apple e Advanced Micro Devices.

Ver comentários
Saber mais Wall Street Dow Jones S&P 500 Nasdaq bolsas EUA fiscal cliff
Outras Notícias