Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Wall Street fecha no verde após divulgação das atas da Fed

Índices norte-americanos encerraram o dia com ganhos, após as atas da última reunião da Fed terem revelado que a maioria dos responsáveis defende que poderá ser adequado reduzir a dimensão das subidas das taxas de juro.

Reuters
Sílvia Abreu silviaabreu@negocios.pt 23 de Novembro de 2022 às 21:23
  • Partilhar artigo
  • ...
As bolsas norte-americanas fecharam a sessão desta quarta-feira no verde, impulsionadas pela perspetiva de que poderá estar para breve um abrandamento do ritmo das subidas das taxas de juro.

O otimismo instalou-se após a divulgação das atas relativas à última reunião da Reserva Federal norte-americana (Fed), em novembro, que revelam que a maioria dos responsáveis da autoridade monetária concorda que poderá justificar-se um abrandamento na dimensão das subidas das taxas de juro diretoras, uma vez que a inflação já dá sinais de recuo.

A perspetiva animou as bolsas do outro lado do Atlântico, com o índice de referência S&P 500 a fechar o dia com uma subida de 0,59% para 4.027,26 pontos. Já o industrial Dow Jones avançou 0,28% para os 34.194,06 pontos e o tecnológico Nasdaq Composite valorizou 0,99% para 11.285,32 pontos.

Os investidores antecipam agora que a próxima subida das taxas de juro seja de 50 pontos base. A concretizar-se, será um aumento mais leve do que os últimos quatro consecutivos, que foram de 75 pontos base.

"As atas revelaram um posicionamento mais suave, reconhecendo uma desaceleração na procura do consumidor e um aperto da economia internacional e das condições financeiras", disse Jay Hatfield, da Infrastructure Capital Management, à Bloomberg.



Ver comentários
Saber mais Wall Street economia negócios e finanças Fed mercado e câmbios bolsa
Outras Notícias