Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Wall Street perde fôlego com foco nos estímulos dos EUA

As bolsas do outro lado do Atlântico fecharam em terreno misto, com o Dow e o S&P 500 a conseguirem subir, mas menos do que a meio da sessão, e com o Nasdaq a recuar.

Carla Pedro cpedro@negocios.pt 21 de Julho de 2020 às 21:13
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

O Dow Jones encerrou a somar 0,60% para 26.840,40 pontos e o Standard & Poor’s 500 avançou 0,17% para 3.257,30 pontos.

 

Já o tecnológico Nasdaq Composite cedeu 0,81% para 10.680,36 pontos, pressionado por cotadas como a Tesla, Apple, Alphabet e Microsoft.

 

Com o acordo para o fundo de recuperação da União Europeia selado, notícia que animou fortemente as praças do Velho Continente esta terça-feira, os investidores norte-americanos viraram o foco para a possibilidade de serem aprovados estímulos adicionais nos EUA – isto depois de este ano já terem sido injetados três biliões de dólares.

 

Os congressistas estão a trabalhar num pacote de resgate que visa substituir alguns dos benefícios das versões anteriores dos pacotes de estímulos e que estão a expirar.

 

O Dow Jones estava a subir na ordem de 1% e chegou a superar a fasquia dos 27.000 pontos, mas perdeu fôlego depois de o líder da maioria republicana no Senado, Mitch McConnell, ter dito que a proposta de lei para o novo pacote de estímulos não será aprovada na próxima semana.

 

Recorde-se que o secretário norte-americano do Tesouro, Steven Mnuchin, disse – citado pelo Politico – que essa proposta de lei deveria ser aprovada antes do final de julho.

 

Mnuchin declarou que a Administração Trump está preparada para "gastar o que for preciso" no próximo pacote de resgate decorrente da pandemia de covid-19. "A Administração quer aprovar um pacote no valor de um bilião de dólares", acrescentou.

 

Os investidores estão também atentos ao reporte das contas trimestrais de cotadas de peso, especialmente no setor tecnológico. A Microsoft, Tesla, Intel e Twitter são algumas das tecnológicas que divulgam resultados esta semana.

Ver comentários
Saber mais wall street dow jones s&p 500 Nasdaq bolsas EUA
Mais lidas
Outras Notícias