Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Analistas "reconfortados" com resultados da Portugal Telecom

A Portugal Telecom apresentou resultados que os analistas consideram "sólidos" numa altura em que o ambiente económico é adverso. Os números da Oi melhoraram mas ainda é cedo para concluir o sucesso da reestruturação da participada, dizem.

Hugo Paula hugopaula@negocios.pt 17 de Maio de 2012 às 11:29
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...
A Portugal Telecom divulgou os resultados do primeiro trimestre, com o resultado líquido a saldar-se em 56,5 milhões de euros e a superar as estimativas dos analistas que apontavam para 39 milhões de euros. Ao nível das vendas e do EBITDA, a companhia também superou as estimativas.

O Deutsche Bank diz que os resultados da operadora liderada por Zeinal Bava são "reconfortantes" dada a tendência de deterioração do ambiente económico em Portugal, que chega a comparar com o de Espanha. Também o BES Investimento diz que os resultados não trouxeram surpresas mas foram "reconfortantes".

A PT apresentou "resultados sólidos" numa economia desafiante. "No contexto do mau desempenho e contínua deterioração da Telefónica, há algum reconforto que não tenha existido uma maior deterioração da tendência das receitas no mercado nacional da PT", afirma a equipa de "research" do Deutsche Bank.

As receitas da operadora em Portugal caíram 5,2% em termos homólogos, mas existiram melhorias "ligeiras" que são reconfortantes para os analistas. Ainda assim, a operadora apresentou resultados "acima do consenso dos analistas" e o melhore desempenho verificou-se "tanto nas receitas portuguesas com brasileiras e ambas levaram a um melhor desempenho do EBITDA".

O Fidentiis, que considera os resultados "bastante razoáveis", diz que a estimativa média dos analistas para o resultado por acção da PT "não parece atingível".

"Tendo reportado um lucro de 0,07 euros por acção no primeiro trimestre e com o negócio entre a deterioração e estabilidade em Portugal e no Brasil, acreditamos que a estimativa média dos analistas é demasiado elevada", revela o banco de investimento. A média das estimativas compilada pelo Fidentiis aponta para um resultado de 0,42 euros, enquanto o próprio antecipa um resultado por acção de 0,30 euros.

Números do Brasil melhoraram

O Citi destaca as melhorias que se verificaram na brasileira Oi, com os números do primeiro trimestre da operadora a revelarem-se encorajadores. No entanto, "ainda é cedo para que haja sinais conclusivos do sucesso da reestruturação" no Brasil, concluem.

O BBVA diz que os resultados da Portugal Telecom "foram bons de um modo geral e sustentados por uma marcada melhoria na Oi". A operadora do Brasil continua a ser "a surpresa positiva no primeiro trimestre" do ano, depois de ter apresentado os resultados na última segunda-feira.

"A reestruturação da Oi continua a ser o principal desafio a partir de agora, na nossa perspectiva", salienta a nota de análise do banco espanhol.

As acções da Portugal Telecom seguem a valorizar 1,65% para 4,001 euros por acção e o conjunto de operadoras do índice Stoxx 600 desvaloriza 0,86%.

Nota: A notícia não dispensa a consulta da nota de “research” emitida pela casa de investimento, que poderá ser pedida junto da mesma. O Negócios alerta para a possibilidade de existirem conflitos de interesse nalguns bancos de investimento em relação à cotada analisada, como participações no seu capital. Para tomar decisões de investimento deverá consultar a nota de “research” na íntegra e informar-se junto do seu intermediário financeiro.
Ver comentários
Saber mais Portugal Telecom Oi Brasil resultados lucros
Mais lidas
Outras Notícias