Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Cofina apresentou um "conjunto de resultados positivos"

Os analistas consideram que a Cofina conseguiu anular parte do impacto do contexto económico adverso, com os números a acabarem por serem positivos. Ainda assim, o CaixaBI colocou "sob revisão" a empresa de media.

Sara Antunes saraantunes@negocios.pt 27 de Março de 2009 às 10:37
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
Os analistas consideram que a Cofina conseguiu anular parte do impacto do contexto económico adverso, com os números a acabarem por serem positivos. Ainda assim, o CaixaBI colocou “sob revisão” a empresa de media.

A Cofina, dona do Jornal de Negócios, registou um resultado líquido negativo de 73 milhões de euros em 2008, com a empresa de media a ser penalizada pelo reconhecimento das perdas relacionadas com participação financeira na Zon Multimédia, que totalizaram perto de 80 milhões de euros. As receitas subiram 7% e o EBITDA recuou 1%.

No segmento de jornais as receitas aumentaram 8,5% e o EBITDA baixou 1,1%, devido a uma subida dos custos operacionais, que se ficou a dever ao reforço das acções de marketing alternativo e a custos de reestruturação. No segmento de revistas as receitas aumentaram 3,3.

A Cofina apresentou um “conjunto de resultados positivos dado a deterioração do mercado de publicidade português durante o quarto trimestre”, realçam o analista do BPI, Tiago Veiga Anjos, que acrescenta que “a empresa foi capaz de anular isso [o contexto económico adverso] com um crescimento forte na circulação e controlo de custos”.

“Apesar deste conjunto de resultados, a acções deve continuar fortemente dependentes do desempenho da Zon Multimédia”, acrescenta a nota de análise do BPI.

“Destacamos os bons números operacionais num cenário adverso”, refere o analista do Millennium, João Flores, que acredita que “o mercado pode reagir positivamente a estes números, reflectindo o bom desempenho a nível operacional.”

Os analistas do Espírito Santo Research (ESR) consideram que o impacto dos resultados apresentados pela Cofina têm um impacto “neutral” para as acções, adiantando que ficaram “ligeiramente desapontados com o desempenho mais fraco do que o esperado nas receitas de publicidade no segmento de jornais”.

“Do lado positivo, destacamos a tendência da circulação, a indicação de resistência das publicações da Cofina numa altura de crise” e para o futuro “acreditamos que o principal foco da empresa vai continuar a ser o reforço dos níveis de rentabilidade”, acrescentam os analistas do ESR.

Já os analistas do CaixaBI consideram que “a performance operacional da Cofina foi positiva apesar do contexto macroeconómico desfavorável.”

“Os resultados líquidos e financeiros da empresa, no entanto, suscitam-nos alguma preocupação, nomeadamente tendo em conta que o capital próprio da empresa em 2007”, cujo “resultado líquido registado este ano levará à erosão desta rubrica.”

“Face a esta situação e atendo ao facto de estarmos a rever as nossas projecções colocamos o ‘fair value’ e a recomendação sob revisão”, acrescenta o CaixaBI.

Ver comentários
Mais lidas
Outras Notícias