Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Compra de 14% da Cooper Gay é um "sinal claro" de empenho estratégico da Sonae

A aquisição de 14% da Cooper Gay pela Sonae SGPS é classificada de "positiva" pelos analistas, na medida em que se trata de um "sinal claro" de empenho estratégico da "holding" na Sonae Capital, a "sub holding" que a Sonae SGPS planeia destacar do seu cap

Paulo Moutinho 07 de Maio de 2007 às 11:06
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

A aquisição de 14% da Cooper Gay pela Sonae SGPS é classificada de "positiva" pelos analistas, na medida em que se trata de um "sinal claro" de empenho estratégico da "holding" na Sonae Capital, a "sub holding" que a Sonae SGPS planeia destacar do seu capital.

No final da semana passada, a Sonae SGPS anunciou que adquiriu 14% da empresa inglesa Cooper Gay, o sétimo maior "broker" de resseguro mundial, tendo a possibilidade de adquirir até 28% da empresa, num investimento que pode ascender a 41,1 milhões de euros.

O CaixaBI acredita que este negócio "terá um impacto positivo nas acções da Sonae SGPS, uma vez que se trata de um sinal claro de que a gestão da Sonae SGPS se encontra empenhada estrategicamente na sua ‘sub holding’ Sonae Capital, na criação de valor para o sucesso do seu ‘spin off’".

Para o BPI, a compra dos 14% da Cooper Gay, permitirá à Sonae Capital aumentar a sua presença mundial no negócio da corretagem de seguros, uma área que tem assumido um papel cada vez mais importante na companhia".

A equipa de "research" do BPI recorda que a Sonae SGPS está a planear o "spin off" da Sonae Capital e que continua a acreditar que a cisão da "sub holding" irá "aumentar a visibilidade da única unidade do grupo que ainda era difícil de avaliar, e implicar que a Sonae Capital revele informação detalhada".

Assim, o banco de investimento acredita que a cisão da Sonae Capital poderá traduzir-se num "menor desconto de ‘holding’ para a Sonae SGPS, dado que a Sonae Capital é, actualmente, uma mini ‘holding’ complexa".

O BPI manteve o seu "target" de 1,73 euros para a Sonae SGPS [son], bem como a recomendação de "acumular", enquanto o CaixaBI recomenda a "compra" de acções da empresa, tendo um preço-alvo de 1,95 euros para as acções. Na sessão de hoje, os títulos da "holding" seguiam a valorizar 1,99% para 2,05 euros.

Outras Notícias