Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Exane BNP Paribas reduz preço-alvo e reitera "neutral" para EDP Renováveis

Os analistas do Exane BNP Paribas emitiram uma nota de investimento para o mercado eólico espanhol, tendo reduzido o preço-alvo da EDP Renováveis de forma a reflectir menores ganhos por acção, com base nas estimativas de redução do preço de venda da electricidade no mercado espanhol.

Hugo Paula hugopaula@negocios.pt 11 de Novembro de 2009 às 10:55
  • Partilhar artigo
  • ...
Os analistas do Exane BNP Paribas emitiram uma nota de investimento para o mercado eólico espanhol, tendo reduzido o preço-alvo da EDP Renováveis de forma a reflectir menores ganhos por acção, com base nas estimativas de redução do preço de venda da electricidade no mercado espanhol.

O preço-alvo da eólica portuguesa desceu para 7,7 euros de 8,30 euros. A recomendação de “neutral” foi reiterada.

A redução do preço-alvo deve-se à redução do preço estimado da energia que a EDP Renováveis previa vender a 47 euros por MWh, uma vez que o mercado espanhol se encontra com excesso de oferta, segundo os analistas.

“Até agora, a empresa contratualizou [a venda de] 50% da produção de energia, a um preço de 44 euros por MWh” e “ao abrigo da regulação antiga prevê um preço de 47 euros por MWh”. Um valor que deve ser pressionado devido à situação de excesso de oferta no mercado espanhol.

Os analistas estimam que essa electricidade seja vendida abaixo dos 44 euros.

Pela positiva, os analistas destacam que a empresa “está a manter os mesmo níveis de acréscimo de capacidade para 2009 e 2010, tal como indicado pela gestão em 2008, com o objectivo de terminar 2010 com 1,3 a 1,4 GW de nova capacidade”, enquanto a Iberdrola reduziu o seu programa de despesas de capital para os anos 2009 e 2010.

O documento refere que os analistas do banco reduziram a sua estimativa de ganhos por acção em 7%, para o final de 2009 e em 9% para 2010, “de forma a reflectir os preços de venda da electricidade mais conservadores assumidos em Espanha, no próximo ano”.

As acções da EDP Renováveis sobem 0,30% para 6,70 euros e o seu novo preço-alvo confere-lhes um potencial de valorização de 14%.



Ver comentários
Outras Notícias