Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

JPMorgan corta recomendação da Galp para "neutral"

O banco de investimento norte-americano reviu em baixa a recomendação para a petrolífera portuguesa. O preço-alvo confere às ações um potencial de subida de 27%.

Galp Energia cumpre promessa
Negócios jng@negocios.pt 02 de Dezembro de 2020 às 01:20
  • Assine já 1€/1 mês
  • 3
  • ...

O analista Matthew Lofting, do JPMorgan, cortou a recomendação para as ações da Galp Energia, de "overweight" para "neutral", reportou a Bloomberg.

 

O preço-alvo apontado pelo analista do banco de investimento norte-americano é de 11,5 euros, o que confere um potencial de subida de 27% às ações da empresa liderada por Carlos Gomes da Silva, tendo em conta o preço de fecho desta terça-feira, 1 de dezembro.

 

O "target" médio para as ações da petrolífera é de 12,14 euros.

 

A Galp encerrou a sessão de terça-feira a somar 0,22% para 9,0640 euros.

 

 

Nota: A notícia não dispensa a consulta da nota de "research" emitida pela casa de investimento, que poderá ser pedida junto da mesma. O Negócios alerta para a possibilidade de existirem conflitos de interesse nalguns bancos de investimento em relação à cotada analisada, como participações no seu capital. Para tomar decisões de investimento deverá consultar a nota de "research" na íntegra e informar-se junto do seu intermediário financeiro.

Ver comentários
Saber mais Galp Energia JPMorgan Matthew Lofting research
Outras Notícias