Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

PT Multimédia sobe ao 2º lugar na lista das acções com maior potencial de valorização

A PT Multimédia passou a ocupar o segundo lugar na lista das acções da bolsa nacional com maior potencial de valorização este ano, superando a Portugal Telecom e a Sonaecom, e continuando atrás da Altri, segundo o Millennium bcp investimento.

Negócios negocios@negocios.pt 15 de Junho de 2005 às 09:26
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

A PT Multimédia passou a ocupar o segundo lugar na lista das acções da bolsa nacional com maior potencial de valorização este ano, superando a Portugal Telecom e a Sonaecom, e continuando atrás da Altri, segundo o Millennium bcp investimento.

Segundo a «newsletter» semanal do Activobank7, a Altri continua a ser a empresa acompanhada pelo Millennium bcp investimento com maior potencial de valorização (75%) até ao final deste ano.

Depois surge a PT Multimédia, que sobe do quarto lugar da semana passada, para o segundo posto. O preço-alvo para o final de 2005 (ainda sem considerar o «stock split») é de 23,05 euros, o que representa um potencial de suibida.

A dona da TV Cabo superou a Portugal Telecom e a Sonaecom nesta lista de acções com maior potencial de subida, com a PT a ser penalizada pelo corte do «preço-alvo» para 10,60 euros e a descida do potencial de valorização da empresa do Grupo Sonae (37%) a reflectir a valorização das acções na semana passada.

O Millennium bcp investimento desceu a avaliação da PT, mas manteve a recomendação de «comprar», «devido ao potencial de valorização e ao nível de remuneração interessante que a empresa oferece».

Acerca da entrada da France Télécom no capital da Sonaecom, o Millennium bcp investimento diz que «parece tratar-se de um negócio bastante vantajoso para a Sonaecom, uma vez que o rácio de troca das participações tem implícito um desconto interessante e por outro lado as unidades de negócios da Sonaecom poderá beneficiar operacionalmente do acordo estratégico com a FT».

No último lugar da lista continua a figurar a Mota-Engil, que tem um potencial de valorização de 31%, tendo em conta o preço-alvo de 31%.

Mais lidas
Outras Notícias