Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Euro sobe e renova máximo de quase dois anos contra o dólar

A moeda única europeia continua a beneficiar da expectativa de que a Reserva Federal (Fed) dos EUA adie a retirada de estímulos à economia. O euro está a negociar acima dos 1,38 dólares, superando esta fasquia pela primeira vez em quase dois anos.

Sara Antunes saraantunes@negocios.pt 24 de Outubro de 2013 às 12:28
  • Assine já 1€/1 mês
  • 6
  • ...

O euro sobe 0,19% para 1,3802 dólares, tendo chegado a negociar nos 1,3822 dólares, o que corresponde ao valor mais elevado desde Novembro de 2011. A subida desta quinta-feira eleva para 4,6% o ganho da moeda única europeia desde o início do ano.

 

A divisa europeia tem beneficiado dos últimos dados económicos divulgados nos EUA, que apontam para que a economia não esteja a recuperar de forma sustentada, o que tem aumentado a especulação em torno da manutenção dos estímulos por parte da Fed.

 

Em causa está o programa de compra de activos, actualmente fixado no montante de 85 mil milhões de dólares.

 

Numa altura em que o mercado de trabalho não consegue ainda criar postos de trabalho a um ritmo considerado sustentado, os investidores temem que a economia ainda precise dos estímulos do banco central para manter a tendência de recuperação dos últimos meses. E é essa a perspectiva que tem sido descontada no dólar.

 

Na Europa, os indicadores também não estão a ser muito animadores, apesar de a região ter saído da recessão económica no segundo trimestre do ano. Ainda esta quinta-feira foi divulgado que a actividade da indústria e dos serviços da Zona Euro abrandou em Outubro, o que acabou por condicionar a negociação da moeda única, travando os ganhos frente ao dólar.

Ver comentários
Saber mais euro câmbio dólar
Outras Notícias