Crédito Banco CTT é o mais reclamado nas contas e crédito à habitação

Banco CTT é o mais reclamado nas contas e crédito à habitação

Os clientes apresentaram menos reclamações ao Banco de Portugal, no primeiro semestre. As contas e o crédito continuam a liderar as queixas.
Banco CTT é o mais reclamado nas contas e crédito à habitação
Raquel Godinho 24 de outubro de 2018 às 12:23

Chegaram mais de 7.500 reclamações ao Banco de Portugal nos primeiros seis meses deste ano, revela a Sinopse de Actividades de Supervisão Comportamental. As contas e o crédito continuam a liderar as queixas ao supervisor. E, tanto nas contas como no crédito à habitação, o Banco CTT liderou as reclamações.


Foram apresentadas 7.545 reclamações ao Banco de Portugal. O que representa uma média mensal de 1.258 queixas por mês, menos 1,3% do que no mesmo período do ano passado. Nas contas, as reclamações diminuíram, mas aumentaram no crédito à habitação e ao consumo.


Por instituição financeira, o Banco CTT destacou-se como a mais reclamada, tanto nas contas como no crédito à habitação. Por cada mil contas de depósitos, a instituição recebeu 0,43 reclamações, o que compara com 0,13 reclamações da média do sistema. Em segundo lugar, surge o BBVA com 0,34 reclamações por cada mil contas e, em terceiro lugar, o Deutsche Bank com 0,29 reclamações por cada mil contas.


"Não foi recebida qualquer reclamação contra outras instituições com relevo na área das contas de depósito, sendo este o caso do Banco BAI Europa, Banco Finantia, Banco Invest, Banco L. J. Carregosa, Banco Português de Gestão, Banif – Banco de Investimento, BNI – Banco de Negócios Internacional (Europa), BNP Paribas, Caixa – Banco de Investimento, Caixa de Crédito Agrícola Mútuo da Chamusca, Caixa de Crédito Agrícola Mútuo do Bombarral, Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Mafra, Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Torres Vedras, Haitong Bank e Novo Banco dos Açores", refere o Banco de Portugal.


Já no que diz respeito ao crédito ao consumo, a Caixa Leasing e Factoring liderou as queixas. Por cada mil contratos, recebeu 1,23 reclamações, o que compara com as 0,16 queixas da média do sistema. Em segundo lugar, destaca-se o Deutsche Bank, com 0,72 reclamações por cada mil contratos e, em terceiro lugar, surge o Wizink com 0,47 queixas por cada mil financiamentos.


Quanto ao crédito à habitação, a liderança volta a caber ao Banco CTT, entidade que passou a oferecer este produto aos seus clientes em 2017. O banco recebeu 4,07 reclamações por cada mil contratos, um número muito acima das 0,48 queixas por cada mil financiamentos que representam a média do sistema. Em segundo lugar, ficou o BBVA com 0,88 reclamações por cada mil créditos e, em terceiro lugar, o Santander Totta com 0,79 queixas por cada mil financiamentos.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI