Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Deco: Negociar taxas de juro dos depósitos a prazo rende 7 vezes mais

De acordo com um estudo da Proteste Investe, negociar as taxas de juro dos depósitos a prazo poderá render sete vezes mais.

Andreia Major amajor@negocios.pt 19 de Outubro de 2011 às 09:30
A Proteste Investe realizou um teste prático, anónimo, em duas instituições da Grande Lisboa para um depósito a 25 mil euros.

A conclusão foi de que conseguiu uma rentabilidade sete vezes superior à inicialmente oferecida, o que corresponde a 334 euros a mais ao fim de seis meses.

Segundo o estudo da Deco Proteste, o Crédito Agrícola, o Banco Bilbao Vizcaya Argentaria, o Banco BPI, o Banco Popu­lar, o Banif, o CajaDuero, a Novacaixagalicia, o PrivatBank e o Santander Totta, são os bancos “mais abertos à negociação”.

“No Crédito Agrícola, a equipa da PROTESTE INVESTE conseguiu uma taxa de 4% brutos (3,1% líquidos), ou seja, sete vezes mais do que os 0,6% brutos inscritos no preçário. Nos restantes bancos, aumentou o rendimento em 0,5% a 2% brutos”, declara o comunicado da Proteste Investe.

Já o Deutsche Bank, o Millennium BCP, o Montepio, e a Caixa Geral de Depósitos só aceitam discutir a taxa de juro para montantes acima de 50 mil ou 100 mil euros. O Barclays e o Banco Espírito Santo “aproveitam a negocia­ção para promover seguros de capitalização, obrigações e depósitos de taxa crescente”.

O estudo considera que estes produtos, que impõem restrições à movimentação e apenas são adequados para períodos longos, confundem “quem tem poucos conhecimentos sobre investimentos”.

Apesar de ter conseguido negociar a taxa de juro dos depósitos a prazo em alguns bancos, a Proteste Investe declara que “nenhuma supera a rentabilidade dos melhores super depósitos do Banco Best, do Banco Invest, e do Finantia”, que oferecem 6% brutos a 6 meses, 4,7% líquidos.

A associação para a defesa dos consumidores recomenda a análise do mercado e da concorrência, caso se aproxime a data de revisão do seu depósito.

No dia 31 de Outubro celebra-se o Dia Mundial da Poupança.

Ver comentários
Saber mais Deco Proteste depósitos a prazo taxa de juro bancos
Outras Notícias
Publicidade
C•Studio