Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

FEEF planeia emitir três mil milhões de euros para financiar Portugal e Irlanda

A fundo de resgate europeu planeia emitir três mil milhões de euros em dívida depois de a Standard & Poor’s ter ameaçado cortar a classificação de crédito da dívida do fundo.

Hugo Paula hugopaula@negocios.pt 03 de Janeiro de 2012 às 14:44
  • Partilhar artigo
  • 1
  • ...
O Fundo Europeu de Estabilidade Financeira (FEEF) contratou o Crédit Suisse, o Deutsche Bank e o Société Générale para o ajudar a gerir esta oferta, que é a primeira emissão do fundo a três anos.

A venda das obrigações vai ajudar a financiar o resgate da Irlanda e de Portugal, segundo o comunicado do fundo citado pela Bloomberg. A emissão ocorre depois de o fundo ter emitido três mil milhões de euros em dívida com maturidade em Fevereiro em Novembro.

“Eles têm de ser bastante generosos para conseguir fazer a emissão com sucesso”, disse David Schnautz, estratega do Commerzbank em Londres. A dívida do FEEF tem, actualmente, um “rating” de “AAA”, que lhe é conferido pelas garantias dos governos da Alemanha, Áustria, França, Holanda, Luxemburgo e Finlândia.

A dívida do FEEF tem tido um desempenho abaixo da referência no mercado, constata a Bloomberg, que diz que os investidores estão a exigir um prémio de 143 pontos base para deterem obrigações com maturidade em Julho de 2016. Em Março do ano passado, o prémio atingiu um mínimo nos 45 pontos base.

A pressionar o valor das obrigações, que se relaciona inversamente com sua taxa de juro implícita, tem depreciado com os investidores a recearem que a Europa venha a ter de comprometer maiores fundos na ajuda a países da Zona Euro.

Ver comentários
Saber mais Europa Zona Euro crise juro FEEF ajuda resgate
Outras Notícias