Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Juros inferiores a 5% na ajuda externa pagam-se caro

Do ponto de vista estritamente aritmético, já fará sentido recorrer à ajuda externa. Pode mesmo não restar alternativa. Mas um resgate traz riscos graves para o País

Edgar Caetano edgarcaetano@negocios.pt 28 de Março de 2011 às 00:14
  • Assine já 1€/1 mês
  • 12
  • ...
A urgência dos compromissos financeiros, a par da precária posição de liquidez do Estado, deverá forçar Portugal a recorrer em breve a ajuda externa. Neste contexto, o País pagará uma taxa inferior a 5% pelos recursos financeiros, um "preço" muito inferior ao que é actualmente exigido pelos mercados, mas a verdadeira "factura" promete ser pesada e duradoura.



logo_empresas



Ver comentários
Mais lidas
Outras Notícias