Mercados 5 coisas que precisa de saber para começar o dia

5 coisas que precisa de saber para começar o dia

Esta sexta-feira seis cotadas do PSI-20 estarão a reagir aos resultados dos primeiros nove meses do ano, divulgados ontem depois do fecho da praça lisboeta.
5 coisas que precisa de saber para começar o dia
Carla Pedro 08 de novembro de 2019 às 07:30
Seis cotadas reagem aos números dos primeiros nove meses

Há seis cotadas do PSI a reagirem na sessão desta sexta-feira às contas reportadas ontem após o fecho da bolsa nacional: BCP, Altri, Cofina, Ramada, Corticeira Amorim e Novabase.

 

O BCP aumentou os lucros para 270,3 milhões de euros, nos melhores resultados em 12 anos. Já a Cofina melhorou os lucros em 15,3% para 4,3 milhões e a Altri viu o seu resultado líquido recuar 90,7 milhões até setembro.

 

Por sua vez, a Novabase subiu a faturação em 10% para 112 milhões, ao passo que a Corticeira Amorim teve menos lucros mas paga dividendo extraordinário. A Ramada, por seu lado, viu os seus lucros recuarem 91,5% para 5,7 milhões de euros.

 

Venda de negócio da Novabase gera mais-valia de 12 a 15 milhões

A empresa liderada por João Nuno Bento anunciou no início desta semana que vai vender o seu negócio de "application and data analytics" para os sectores de Governo, Transportes e Energia (Negócio GTE) à Vinci Energies, presente em Portugal com a marca Axians, por 33 milhões de euros, podendo a este valor acrescer 3 milhões de euros, dependendo da performance final.

Ontem à noite, em novo comunicado à CMVM, por solicitação da autoridade reguladora do mercado de capitais, a Novabase veio prestar esclarecimentos adicionais, sublinhando que a mais-valia poderá ficar entre 12 a 15 milhões de euros.

 

Dados económicos em foco: na Europa comércio, nos EUA consumo

Esta sexta-feira serão revelados os dados referentes ao comércio internacional de setembro em Portugal e Alemanha. Já de França virão os números relativos à produção industrial.

 

Nos Estados Unidos, teremos a divulgação do sentimento dos consumidores em novembro, medido pela Universidade do Michigan.

 

Dívida soberana do Reino Unido pode ser avaliada

A Moody’s poderá pronunciar-se sobre o perfil de risco das obrigações soberanas do Reino Unido. Também a Fitch poderá ter uma palavra a dizer sobre a classificação da dívida da Eslováquia.

 

Os relatórios sobre os ratings e perspectivas para as dívidas soberanas podem não ser publicados, uma vez que o calendário de eventuais revisões das notações soberanas é apenas indicativo.

 

Plataformas de petróleo e gás em destaque nos EUA

A Baker Hughes, fornecedora norte-americana de serviços a campos petrolíferos, divulga hoje o relatório semanal sobre o número de plataformas de petróleo e gás nos Estados Unidos. 

 

Ontem as cotações do "ouro negro" negociaram em alta, animadas pela perspetiva de resolução da guerra comercial entre os EUA e a China.

 




Marketing Automation certified by E-GOI