Mercados 5 coisas que precisa de saber para começar o dia

5 coisas que precisa de saber para começar o dia

Esta quarta-feira a Saudi Aramco começa a negociar na Bolsa de Riade. Em destaque estará também a decisão de política monetárida da Fed, não se esperando mexidas nos juros diretores.
5 coisas que precisa de saber para começar o dia
Negócios 11 de dezembro de 2019 às 07:30
Saudi Aramco debutante

Depois de garantir a colocação de 1,5% do capital da Saudi Aramco, naquele que se tornou o maior IPO (oferta pública inicial) de sempre - garantindo ao Reino saudita um encaixe de 25,6 mil milhões de dólares -, a petrolífera debuta na bolsa de Riade.

 

As ações começam a ser negociadas já depois de a OPEP ter acordado um corte de produção e à boleia de incentivos dados pelo Reino Saudita aos investidores que têm também a promessa de dividendos chorudos. Cada ação da Saudi Aramco foi vendida a 32 riais sauditas (8,53 dólares), o que a avalia em 1,7 biliões de dólares.

 

Fed deve manter taxas

Depois de se ter acreditado que a Reserva Federal norte-americana (Fed) poderia voltar a descer taxas, o mercado acredita agora na sua manutenção.

 

Em outubro a Fed baixou as taxas pela terceira vez em 2019, colocando-as num intervalo entre 1,5% e 1,75%. Esta reunião de 10 e 11 de dezembro vem acompanhada de projeções económicas.

 

Também neste dia, o Brasil define as taxas diretoras.

 

Estatísticas do petróleo em foco

A Administração de Informação em Energia (IEA, na sigla original, que está sob a tutela do Departamento norte-americano da Energia) divulga os dados relativos aos inventários de crude dos EUA na semana passada, bem como os stocks de destilados e gasolina.

 

Por outro lado, a Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP) publica o seu Relatório do Mercado Petrolífero, que inclui estimativas para a produção e procura de "ouro negro".

 

Na sessão de ontem, os preços do petróleo negociaram em alta nos principais mercados internacionais, a antecipar uma redução das reservas norte-americanas.

 

INE divulga dados da inflação

Por cá, o Instituto Nacional de Estatística (INE) publica esta quarta-feira o índice de preços no consumidor relativo a novembro.

 

Também nos Estados Unidos serão divulgados os números da inflação do mês passado.

 

Euro capitaliza boas notícias da economia alemã

A moeda única europeia ganhou ontem terreno face à nota verde, sustentada pelo facto de os investidores já não verem uma deterioração do "outlook" do crescimento na Alemanha.

 

A ajudar esteve o anúncio feito ontem pelo instituto de investigação económica ZEW de que as expectativas económicas da Alemanha melhoraram em dezembro e registaram máximos desde fevereiro de 2018.

 




Marketing Automation certified by E-GOI