Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Acções da Samsonite afundam após dúvidas sobre contas

As acções da Samsonite registaram a maior queda desde 2012, antes de terem sido suspensas de negociação. A afectar os títulos estão as dúvidas colocadas sobre as contas da gigante das malas.

Sara Antunes saraantunes@negocios.pt 24 de Maio de 2018 às 11:17
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

As acções da Samsonite chegaram a descer um máximo de 12,19% esta quinta-feira, 24 de Maio, tendo aliviado para uma descida de 9,84% para 30,70 dólares de Hong Kong. Isto antes de a sua negociação ter sido suspensa.

 

A queda – a mais pronunciada desde 2012 – foi provocada por questões levantadas sobre as contas da empresa.

 

A Blue Orca Capital, empresa de investimentos, acusa a empresa de ter escondido um abrandamento do crescimento através de aquisições, financiadas com dívida, e usado métodos de contabilidade que maquilham os resultados e inflacionam as margens de lucro, avançam as agências de informação.

 

A Samsonite revelou, na semana passada, que os lucros do primeiro trimestre aumentaram 18,6% para 43,9 milhões de dólares, salienta a Reuters. As vendas líquidas cresceram 21,1% para 888,2 milhões.

 

A Blue Orca levanta ainda questões sobre as relações entre a Samsonite e empresas indianas detidas pelo presidente executivo, Ramesh Tainwala, e a sua família. Além de destacar a "porta giratória" de auditores na unidade do Sul da Ásia.

 

A empresa pediu para que a negociação das acções fosse suspensa até que fosse emitido um comunicado a reagir a estas acusações. Reuters e Bloomberg tentaram contactar fonte oficial da empresa, mas ninguém quis comentar.

Saber mais Samsonite Blue Orca
Outras Notícias