Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Alemanha não vai emitir nova dívida em 2015 pela primeira vez em 46 anos

A garantia foi dada pelo ministro das Finanças alemão, Wolfgang Schäuble, que assegurou ainda que o país está focado nas políticas de estabilidade e de consolidação orçamental.

Reuters
Rita Faria afaria@negocios.pt 09 de Setembro de 2014 às 11:24
  • Assine já 1€/1 mês
  • 14
  • ...

O ministro das Finanças alemão, Wolfgang Schäuble, garantiu que o Governo não terá de emitir dívida em 2015 para financiar nova despesa porque o Orçamento será equilibrado, algo que não acontece desde 1969. O governante defendeu ainda os esforços de consolidação orçamental do seu país e disse quea Alemanha tem de continuar focada nas políticas de estabilidade.

 

"Qualquer outra coisa levaria a uma crise de confiança", sublinhou o ministro, citado pela Reuters.

 "É a última coisa que precisamos na Europa, na situação actual", acrescentou, referindo-se às crises na Síria, Ucrânia e Iraque.  

 

O ministro garantiu que o governo germânico está a trabalhar para criar melhores oportunidades de investimento, para que as empresas possam apostar em projectos de infraestrutura. 

 

O baixo desemprego e o crescimento estável resultaram num nível recorde da receita fiscal, enquanto as taxas de juro baixas reduziram o peso do serviço da dívida. Tudo isto permitirá ao Governo cobrir a despesa prevista de 300 mil milhões de euros em 2015 sem emitir nova dívida, pela primeira vez em 46 anos. 

Ver comentários
Saber mais Wolfgang Schäuble Alemanha União Europeia Europa economia negócios e finanças política
Outras Notícias