Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Aumento de capital da Telesp Celular Participações subscrito em 96,96%

A Telesp Celular Participações (TCP), empresa controlada pela Vivo, «joint venture» entre a Portugal Telecom e a Telefónica, obteve a subscrição de 96,96% das acções emitidas no âmbito do aumento de capital, oferta que durou entre 18 de Novembro e 17 de D

Negócios negocios@negocios.pt 20 de Dezembro de 2004 às 19:53
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

A Telesp Celular Participações (TCP), empresa controlada pela Vivo, «joint venture» entre a Portugal Telecom e a Telefónica, obteve a subscrição de 96,96% das acções emitidas no âmbito do aumento de capital, oferta que durou entre 18 de Novembro e 17 de Dezembro, sexta-feira passada, anunciou hoje a companhia brasileira.

Durante o prazo em questão foram subscritas 398.302.668.090 acções da companhia, o equivalente a 96,96% do total – 97,90% das acções preferenciais, incluindo as negociadas no mercado norte-americano, e 95,21% das acções ordinárias.

As restantes 12.476.506.204 acções, ou 3,04%, poderão ser subscritas até quinta-feira, 23 de Dezembro.

As acções foram emitidas com um preço de 1,39 euros (cinco reais) por lote de mil acções.

O preço de emissão representa um desconto médio, apurado nos últimos trinta dias, de 30% sobre as cotações das acções preferenciais e um prémio de dois por cento sobre as cotações das acções ordinárias.

Para cada acção que possuem, os accionistas têm direito a subscrever 0,35 novas acções para a compra de títulos ordinários ou preferenciais.

A Telesp Celular Participações anunciou no passado dia 9 de Novembro que ia avançar com o anunciado aumento de capital em 2,05 mil milhões de reais (560 milhões de euros) com o objectivo de reduzir a dívida e investimentos financeiros.

A empresa emitiu 410,8 mil milhões de novas acções. A Telesp Celular já tinha anunciado esta operação a 10 de Outubro, avançando que seria para financiar a compra de mais 217% do capital da TCO na oferta pública de aquisição (OPA) e outras dívidas.

As acções da TCP caíam 0,28%, para 7,08 euros.

Ver comentários
Outras Notícias