Bolsa BCP e Galp pressionam abertura da bolsa

BCP e Galp pressionam abertura da bolsa

A bolsa nacional segue as quedas das praças europeias, numa sessão em que os investidores vão estar atentos às actas das reuniões da Fed e do BCE.
A carregar o vídeo ...
Nuno Carregueiro 21 de fevereiro de 2018 às 08:15

O PSI-20 desce 0,36% para 5.429,05 pontos, com nove cotadas em queda, seis em baixa e três sem variação, numa abertura de sessão que também está a ser negativa nas praças europeias.

As bolsas asiáticas fecharam sem direcção definida, depois de Wall Street ter fechado em terreno negativo, mas a recuperar de quedas mais fortes a meio da sessão. A atenção dos investidores está hoje centrada nas actas das últimas reuniões do Banco Central Europeu e da Reserva Federal.

A pressionar o índice português volta a estar o Banco Comercial Português e a Galp Energia. O banco liderado por Nuno Amado desvaloriza 0,72% para 0,2915 euros e a petrolífera cai 0,1% para 14,60 euros, depois de ontem ter actualizado o seu plano estratégico, que aumenta o dividendo para 55 cêntimos por acção e mantém o investimento em mil milhões de euros por ano.

Ainda a puxar o PSI-20 para baixo estão as acções da Jerónimo Martins (-0,37% para 17,555 euros) e dos CTT (-0,12% para 3,394 euros).

Em alta está a EDP, com uma subida de 0,18% para 2,709 euros, bem como a Navigator, que valoriza 0,5% para 4,438 euros.  




pub