Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

BCP pede garantia ao Estado para emitir 1,75 mil milhões de euros (act)

BCP vai recorrer à ajuda do Estado para emitir dívida. O objectivo é colocar no mercado 1,75 mil milhões de euros com garantias do Estado.

Sara Antunes saraantunes@negocios.pt 24 de Maio de 2011 às 17:22
  • Assine já 1€/1 mês
  • 7
  • ...
O BCP apresentou ao Banco de Portugal “o pedido de aprovação respectiva, para garantia do Estado a um financiamento através da emissão de valores mobiliários de dívida não subordinada, no montante de 1.750 milhões de euros”, revela o banco em comunicado emitido para a Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

O “spread” desta operação será entretanto determinado pelas “condições de mercado” e o prazo da operação será até três anos, adianta a mesma fonte.

Na passada semana, Paulo Macedo, um dos vice-presidentes do BCP, afirmou que o banco estava ainda a “ponderar” se ia recorrer à ajuda do Estado, através da concessão de garantias para se financiar.

Hoje, em comunicado anunciou que vai mesmo recorrer a esta ajuda.

O BCP junta-se assim ao BES, à CGD e ao Banif que já anunciaram que vão emitir dívida recorrendo à garantia do Estado.

O BES pretende efectuar uma emissão de obrigações recorrendo à garantia do Estado português, no montante de até 1,25 mil milhões de euros.

A Caixa Geral de Depósitos tem como tecto máximo 1.800 milhões de euros.

E o Banif explicou que da primeira tranche de garantias disponibilizadas pelo Estado português, no montante de 20 mil milhões de euros, o Banif tem ainda uma quota disponível de 220 milhões de euros para emitir.

O BPI e o Santander Totta já anunciaram que não pretendem usar garantias do Estado.

Ver comentários
Saber mais BCP garantias Estado dívida obrigações
Outras Notícias