Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

BCP sobe mais de 1% e impulsiona bolsa nacional

O Banco Comercial Português (BCP) valorizava mais de 1% e em conjunto com a Energias de Portugal (EDP) elevavam a bolsa nacional para a segunda subida consecutiva. O PSI-20 ganhava 0,41% numa altura em que a Portugal Telecom (PT) evitava maiores ganhos.

Sara Antunes saraantunes@negocios.pt 06 de Fevereiro de 2006 às 10:30
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

O Banco Comercial Português (BCP) valorizava mais de 1% e em conjunto com a Energias de Portugal (EDP) elevavam a bolsa nacional para a segunda subida consecutiva. O PSI-20 ganhava 0,41% numa altura em que a Portugal Telecom (PT) evitava maiores ganhos.

O principal índice nacional [psi20] avançava para os 8.845,54 pontos com oito acções a subir, quatro a cair e oito inalteradas.

O BCP [bcp] apreciava 1,23% para os 2,47 euros, numa altura em que o mercado especula mais cenários de concentração na banca europeia, depois do BBVA ter perdido a corrida à aquisição do BNL.

Depois de ter perdido a corrida à aquisição do Banca Nacional de Lavora (BNL), o Banco Bilbao Vizcaia Argentária (BBVA) vai virar-se para outros mercados, tentando adquirir algum banco e o mercado especula que o BCP pode vir a ser alvo de uma oferta de compra do segundo maior banco espanhol.

Para além destas especulações, o BCP está a seguir o sentimento positivo do sector bancário depois da Goldman Sachs ter revisto em alta a recomendação para a banca.

A restante banca seguia inalterada com o Banco Espírito Santo (BES) [besnn] a negociar nos 13,46 euros e o Banco BPI [bpin] a seguir nos 4,23 euros.

A Energias de Portugal (EDP) [edp] subia 0,74% para os 2,74 euros, depois da agência de «rating» internacional Standard & Poor’s ter reafirmado as notações de dívida para a EDP de ‘A’ no longo prazo e de ‘A-1’ no curto prazo, mantendo o «outlook» da empresa estável mas retirando-o da zona de observação, onde se encontrava com possíveis implicações negativas.

Para além desta informação, o «Diário de Notícias» noticiou hoje que a Energias do Brasil, a «holding» que gere os negócios da EDP no mercado brasileiro, está a analisar a situação financeira e os activos de três empresas com negócios de produção de energia eléctrica naquele país, com o objectivo de vir a adquirir uma delas.

A Portugal Telecom (PT) [ptc] desvalorizava 0,61% para os 8,15 euros arrastada pelo sentimento negativo vivido pelo sector de telecomunicações europeu no dia em que a Goldman Sachs baixou recomendação para o sector de «neutral» para «underweight».

A Brisa [brisa] também contribuía para os ganhos do índice nacional ao apreciar 0,99% para os 7,16 euros.

No sector de «media», a Media Capital [mcp] subia 1,74% para os 7,61 euros e a Cofina [cofi] avançava 0,33% para os 3,06 euros, enquanto a Impresa [ipr] seguia inalterada nos 4,94 euros.

Ver comentários
Mais lidas
Outras Notícias