Bolsa Bolsa nacional em queda à boleia do resto da Europa

Bolsa nacional em queda à boleia do resto da Europa

As palavras do presidente da Fed estão a ditar quedas das bolsas europeias. Os receios em torno da subida de juros nos EUA estão a minar a confiança dos investidores também na Europa.
A carregar o vídeo ...
Sara Antunes 28 de fevereiro de 2018 às 08:08
O PSI-20 desce 0,49% para 5.441,36 pontos, com 13 cotadas em queda, três em alta e duas inalteradas. Entre os congéneres europeus a tendência é igualmente de quedas generalizadas. A condicionar a negociação bolsista continua o discurso do presidente da Reserva Federal (Fed) dos EUA, que ontem defendeu, perante o Congresso do país, "mais aumentos graduais" das taxas de juro dos EUA. A Bloomberg realça que as declarações do responsável abrem a porta a que os juros subam quatro vezes este ano. Uma perspectiva que levou as bolsas dos EUA ontem a registarem novas quedas e está a arrastar as bolsas europeias. 

As quedas, na bolsa nacional, são transversais aos vários sectores. Assim, o BCP destaca-se, ao ceder 1,30% para 0,2877 euros. A contribuir para a queda da praça lisboeta está também a EDP, ao cair 0,22% para 2,762 euros.

Do lado oposto está a Jerónimo Martins, ao subir 0,32% para 17,325 euros, bem como a Pharol, cujos títulos apreciam 0,22% para 0,23 euros, e a EDP Renováveis, que cresce 0,21% para 7,165 euros. E entre os 18 títulos que compõem o índice nacional não há mais cotadas a valorizar.

A contribuir para a subida das acções da EDP Renováveis estarão os resultados apresentados ontem, com a reportar um aumento de quase 400% dos seus lucros em 2017 e um aumento do dividendo para 6 cêntimos por acção.

A contribuir para a descida da bolsa está ainda a Corticeira Amorim, a perder 0,79% para 10,00 euros. 

A Galp Energia também recua 0,64% para 14,765 euros, numa altura em que o petróleo desce 0,35% para 66,40 dólares por barril em Londres, mercado de referência para Portugal. 

(Notícia actualizada com mais informação)



Saber mais e Alertas
pub