Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Bolsa fecha semana negativa arrastada por Nos e energia

A maioria dos títulos que cotam em Lisboa terminou esta sexta-feira com quedas, a acompanhar o sentimento no resto da Europa, onde as negociações são marcadas por fraca liquidez.

A carregar o vídeo ...
Paulo Zacarias Gomes paulozgomes@negocios.pt 19 de Agosto de 2016 às 16:43
  • Partilhar artigo
  • 3
  • ...

O principal índice bolsista português encerrou a semana com balanço negativo, em linha com a tendência de perdas no resto da Europa, onde o sector financeiro esteve à cabeça das quedas, numa semana marcada por fraca liquidez.

 

O PSI 20 fechou esta sexta-feira, 19 de Agosto, a perder 0,55% para os 4.701,14 pontos, com os títulos da Nos, do universo EDP e da Galp entre as maiores penalizações. Das cotadas, 14 títulos fecharam a sessão com perdas, um inalterado e apenas três apresentaram ganhos.

 

A EDP encerrou nos 2,99 euros (-1,16%), enquanto a EDP Renováveis caiu 1% para os 6,955 euros. A Nos cedeu 1,66% para 5,764 euros e a Galp caiu 0,41% para 13,375 euros, aliviando dos máximos de 2014 registados ainda esta sexta-feira, ao tocar nos 13,505 euros. 

Apesar das valorizações das últimas sessões, que levaram o petróleo para mercado touro, o preço do ouro negro está hoje em queda travando seis sessões de apreciação, tanto em Londres como em Nova Iorque. O barril de brent que negoceia em Londres mantém-se acima dos 50 dólares (50,5 dólares, a recuar 0,77%) enquanto em Nova Iorque o West Texas Intermediate recua 0,17% para 48,14 dólares.

 

O sector financeiro também se apresentou do lado das perdas, sobretudo o BCP, que encerrou a cair 1,68% para os 0,176 euros. Um comportamento negativo no dia em que os juros de referência da dívida portuguesa superaram os 3% (prazo a dez anos), pela primeira vez desde Julho.

 

A maior valorização - de 3,4% para os 0,699 euros - coube à Sonae, que esta quinta-feira apresentou resultados trimestrais. Apesar da queda dos lucros, o resultado líquido ficou acima do estimado pelo mercado, com os analistas a atribuírem ainda a valorização de hoje ao facto de as acções estarem baratas. Também os CTT fecharam o dia com ganhos, de 0,93% para 6,934 euros, e a Jerónimo Martins avançou 0,03% para 14,66 euros.

(Notícia actualizada às 17:13 com mais informação)

Ver comentários
Saber mais Europa Galp BCP CTT economia negócios e finanças mercado e câmbios bolsa
Outras Notícias