Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Bolsa italiana lidera ganhos na Europa após anúncio de medidas de austeridade

O índice pan-europeu Stoxx 600 está a estender a maior subida semanal em três anos, com os investidores optimistas em relação ao encontro de líderes europeus, que decorre esta semana. A bolsa italiana lidera as subidas.

Patrícia Abreu pabreu@negocios.pt 05 de Dezembro de 2011 às 09:25
  • Partilhar artigo
  • 1
  • ...
A negociação entre as praças do Velho Continente está a ser dominada pelo optimismo dos investidores em torno do pacote de medidas de austeridade avançado pelo governo italiano, antes da cimeira europeia desta semana, com os índices a estenderem a maior valorização semanal desde Novembro de 2008. A bolsa italiana lidera as subidas, ao avançar perto de 2%.

A praça italiana soma 1,83% para 15.758,73 pontos, depois de ontem Mario Monti ter proposto um pacote de cortes orçamentais, antes da reunião de líderes europeus desta semana. O plano, estimado em 30 mil milhões de euros, foi bem recebido pelos mercados e está a suportar os ganhos entre as bolsas europeias. O índice DJ Stoxx 600 sobe 0,5% para 241,94 pontos.

Também a bolsa nacional acompanha este sentimento positivo. O índice PSI-20 é mesmo o que acumula a subida mais expressiva, a seguir ao italiano, ao apreciar 1,71% para 5.677 pontos, numa manhã de ganhos acentuados entre os títulos do sector financeiro.

As medidas de austeridade em Itália surgem a poucos dias da cimeira europeia, onde os líderes europeus vão procurar aprovar um novo pacote de medidas para travar a crise da dívida soberana na região e salvaguardar o sector financeiro.

Ainda hoje, a chanceler alemã, Angela Merkel, e o presidente francês, Nicolas Sarkozy, encontram-se em Paris, para afinarem posições antes da reunião de quinta e sexta-feira.

“Tudo aponta que vai sair algo grande da reunião desta semana”, salientou Khoon Goh, estratega do ANZ National Bank, citado pela agência Bloomberg. Para o mesmo responsável, “na primeira parte da semana vamos continuar a assistir a uma melhoria do apetite por risco”.

A impulsionar a negociação estão os títulos da banca, com os italianos Unicredit e Intesa Sanpaolo a ganharem 3,97% e 3,54%, respectivamente. Já o francês BNP Paribas está a avançar hoje 5,9%, enquanto o Dexia sobe 5,38% e o britânico Lloyds 5,28%.

Ver comentários
Saber mais Bolsas Itália Europa Stoxx 600
Outras Notícias