Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Bolsa nacional na terceira sessão de perdas

Apesar de ter arrancado a sessão em terreno positivo, a praça portuguesa inverteu para perdas, em contraciclo com as principais congéneres europeias. As quedas do BCP e da Galp estão entre as que mais pressionam o principal índice nacional.

A carregar o vídeo ...
Ana Laranjeiro alaranjeiro@negocios.pt 13 de Setembro de 2016 às 08:10
  • Assine já 1€/1 mês
  • 9
  • ...
Apesar de ter arrancado a sessão em terreno positivo, a praça portuguesa inverteu para perdas, em contraciclo com as principais congéneres europeias. As quedas do BCP e da Galp estão entre as que mais pressionam o principal índice nacional. 

O PSI-20 negoceia em queda de 0,29% para 4.618,91 pontos depois de na sessão de ontem ter encerrado com perdas superiores a 1%. 

No resto da Europa os investidores avaliam as perspectivas em torno da política monetária da Reserva Federal dos Estados Unidos (Fed) e a situação económica da China. A Governadora da Fed, Lael Brainard, afastou ontem o cenário de uma subida dos juros já na próxima semana. A responsável mostrou sinais de relutância em subir os custos dos empréstimos mesmo assumindo que a economia norte-americana está a dar sinais de progressos graduais no sentido de atingir os objectivos traçados pela autoridade monetária.

Em relação à China, foi esta terça-feira divulgado que a produção industrial cresceu 6,3% em Agosto face ao mesmo período do ano passado. As vendas a retalho subiram 10,6% no mês passada. E os investimentos em activos fixos aumentaram 8,1% nos primeiros oito meses do ano. Todos estes números ficaram acima do estimado pelos analistas. E a Bloomberg refere ainda que estes dados económicos mostram que o crescimento económico na China estabilizou.

Na banca, o BCP cai 0,54% para 0,0185 euros. O Negócios escreve na edição de hoje que o conselho de administração do banco deverá reunir-se esta quarta-feira para se pronunciar sobre o investimento da Fosun. Há assuntos por limar: o BCP tem seis obstáculos por eliminar para que o novo accionista possa entrar.

Com os preços do petróleo em queda no mercado internacional - superior a 1% no caso do brent em Londres -, a antecipar a possibilidade de novo aumento dos stocks de crude nos EUA, os papéis da Galp reflectem também a tendência negativa: recuam 0,62% para 12,775 euros, em mínimos de mais de um mês.

As maiores quedas cabem contudo à Semapa e à Navigator, que afundam mais de 3% em Lisboa. Segundo o BPI, "o BPI Equity Research reduziu o preço-alvo para finais de 2017 das acções da Navigator Company dos 3.80 € para os 3.40 € (risco médio), bem como a sua recomendação de «neutral» para «comprar». O BPI Equity Research decidiu também retirar esta empresa da sua lista de acções preferidas". As acções da Navigator caem 3,24% para 2,745 euros.

A travar maiores perdas na praça nacional estão o BPI, a Jerónimo Martins, a Mota Engil e os CTT, todos com ganhos inferiores a 0,5%. Os papéis da Corticeira Amorim protagonizam o maior ganho, ao subirem 1,75% para 8,293 euros. 

(Notícia actualizada às 8:36)

Ver comentários
Saber mais bolsa banca PSI-20 EDP Renováveis Nos
Mais lidas
Outras Notícias